Ir para o conteúdo UFSM Ir para o menu UFSM Ir para a busca no portal Ir para o rodapé UFSM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Guaranis e acadêmicos da UFSM dançarão juntos nas Missões Jesuíticas



Foto colorida horizontal mostra um grupo de pessoas fazendo movimentos de dança, entre eles crianças indígenas, em um gramado. Ao fundo, casas verdes
Primeiro encontro das oficinas de arte/dança na Aldeia Guarani Tekoá Koenjú ocorreu no sábado (20)

No último sábado (20), acadêmicos e professores dos cursos de Dança da UFSM, integrantes do Laboratório Investigativo de Criações Contemporâneas em Dança (LICCDA), estiveram na Aldeia Guarani Tekoá Koenjú, de São Miguel das Missões, para o primeiro encontro das oficinas de arte/dança que estão sendo realizadas no local.

Sob coordenação do professor Odailso Berté, o Projeto de Extensão “De terra seus corpos” realiza o espetáculo “Som e Luz em Corpos” a céu aberto, junto às ruínas do Sítio Histórico de São Miguel Arcanjo. Em torno do espetáculo ocorrem ações extensionistas, educativas e artísticas, como as oficinas de dança para crianças, jovens e professores da cidade de São Miguel e da Aldeia Guarani Tekoá Koenjú, visando à formação de um elenco local para compor o espetáculo junto aos acadêmicos/bailarinos da UFSM.

Foto colorida horizontal mostra acadêmicos e indígenas dançam em um gramado, com árvores ao fundo
No primeiro encontro, acadêmicos já aprenderam danças com os Guaranis

Estreado na última sexta-feira (19) e em cartaz até dezembro deste ano, o espetáculo “Som e Luz em Corpos” – coreografia para o texto e música do tradicional espetáculo de som e luz – tem por meta um trabalho de sensibilização e questionamento ao fato de o espetáculo de som e luz ser um uma obra artística que trata sobre os índios Guaranis, mas que não os inclui no enredo.

Através das oficinas de arte/dança, o objetivo é realizar um processo de convivência, troca de experiências e aprendizagem conjunta, no qual todos, Guaranis e acadêmicos da UFSM, criarão danças em conjunto. Ao final desse processo, se for da vontade dos Guaranis, eles protagonizarão o espetáculo “Som e Luz em Corpos”, ao vivo, junto dos demais jovens da cidade de São Miguel e dos acadêmicos da UFSM.

No primeiro encontro das oficinas, realizado no sábado, os Guaranis já demonstraram sua aptidão e desenvoltura artística, ensinando danças aos acadêmicos da UFSM.

Fotos: Divulgação


Publicações Recentes