Ir para o conteúdo UFSM Ir para o menu UFSM Ir para a busca no portal Ir para o rodapé UFSM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

UFSM apresenta projetos de pesquisa à instituição chinesa



Na última sexta-feira (6), a UFSM deu andamento às tratativas dos projetos de parceria com a China.

Ana Qiao, diretora do Instituto Confucius PUC

Na manhã da sexta-feira, o vice-reitor, Luciano Schuch, recebeu a visita da Diretora Chinesa do Instituto Confucius PUC, Ana Qiao. Na ocasião também estavam presentes o professor Érico Marlon de Moraes Flores e a professora Paola de Azevedo Mello. A visita faz parte das ações de internacionalização da UFSM. 

O Instituto Confucius é um projeto mundial do Ministério da Educação da República Popular da China que começou em 2004, com o objetivo de disseminar a língua e cultura chinesas, facilitando intercâmbios culturais. O projeto conta com mais de 500 institutos, estabelecidos por meio de parcerias com universidades locais, que contam com o apoio acadêmico das universidades chinesas.

Na parte da tarde, ocorreu na Sala de Conselhos, na reitoria da UFSM, o Seminário para prospecção de projetos de interação Brasil-China. O evento teve como objetivo apresentar as áreas de atuação dos pesquisadores da UFSM à instituição chinesa, para o estabelecimento de relações futuras com foco na realização de pesquisas conjuntas entre os dois países. Entre os participantes do evento estavam o vice-reitor, Luciano Schuch, professores, grupos de pesquisa e a Diretora Instituto Confucius PUC, Ana Qiao.

Em maio de 2019 a UFSM participou de uma missão na China para prospecção de cooperação com grupos de pesquisa e eventuais parcerias entre a UFSM e instituições chinesas. Desta missão resultaram contatos importantes e possibilidades de colaboração em diversas áreas de interesse para os pesquisadores da UFSM. 

Os temas estratégicos tratados no seminário foram:

  1. Ações de Internacionalização para Fortalecimento de Relações Brasil-China
  2. Cidades Inteligentes e Desenvolvimento Sustentável
  3. Medicina Tradicional Chinesa e Biomedicina
  4. Produção e beneficiamento de Elementos Terras-Raras
  5. Computação, Inteligência Artificial e Big Data
  6. Ciência Espacial entre Brasil-China
  7. Geoparques
  8. Alimentos, Produção Agrícola e Biotecnologia
  9. Intensificação de Processos para Conversão de Biomassa
  10. Outras áreas

A partir do seminário, a UFSM e a China buscarão formas de formar parcerias de pesquisa. 

 

Texto: Laura Coelho de Almeida, bolsista de Jornalismo na Assessoria de Comunicação do Gabinete do Reitor.
Foto: Maria Tereza Dias Tassinari.


Publicações Recentes