Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

UFSM melhora em indicadores do ranking THE



Foi divulgado nesta quarta-feira (11) a 16ª edição do ranking da Times Higher Education (THE), um dos principais rankings do Ensino Superior. Na escala, a Universidade Federal de Santa Maria figura como a 46ª melhor instituição da América Latina, uma posição acima do ano anterior.

O ranking compara universidades através de indicadores como ensino, produção científica, transferência de conhecimento, inovação, parceria com empresas e internacionalização. Em relação à edição anterior, a UFSM melhorou em quatro dos principais índices: ensino, pesquisa, citações, e internacionalização. 

Na categoria ensino, a pontuação da UFSM subiu de 8.4 para 8.8.

Fonte: Ranking THE

 

 

 

 

 

 

 

 

Em relação a pesquisa, o score da instituição cresceu de 18.4 para 20.4.

Fonte: Ranking THE

 

 

 

 

 

 

As citações cresceram de 11.4 para 13.5.

Fonte: Ranking THE

 

 

 

 

 

 

 

 

Na categoria internacionalização, a pontuação da UFSM subiu de 16.5 para 17.4.

Fonte: Ranking THE

 

 

 

 

 

 

 

O Brasil no ranking

Nesta edição atual do THE, o Brasil elevou o número de universidades participantes, subindo do nono para o sétimo lugar no ranking de países com o maior número de instituições. Foram incluídas onze novas instituições, totalizando 46 representantes.

A coleta de informações para o ranking aconteceu em março de 2019. Portanto, não considera o atual contingenciamento de verbas das universidades brasileiras, que iniciou em abril.

A Times Higher Education é uma publicação britânica, considerada uma das principais avaliações educacionais do mundo todo, que analisa universidades desde 2011. Nesta edição, foram avaliadas mais de 1,3 mil instituições em 92 países.

Texto: Mariana Henriques / Assessoria de Comunicação do Gabinete do Reitor

 



Publicações Recentes