Ir para o conteúdo UFSM Ir para o menu UFSM Ir para a busca no portal Ir para o rodapé UFSM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Recursos liberados pelo MEC garantem funcionamento da UFSM até outubro



O Ministério da Educação (MEC) anunciou nesta segunda-feira, 30, a liberação pelo Governo Federal de recursos para universidades e institutos federais de educação. Para a Universidade Federal de Santa Maria, foram destinados R$ 18,8 milhões.

Esse recurso será utilizado, prioritariamente, para o pagamento de contratos de limpeza e manutenção de postos de trabalho, vigilância física e monitorada, continuidade da assistência estudantil, energia elétrica, água, prosseguimento de atividades de ensino, pesquisa, extensão e demais encargos.

Até o momento, a instituição já havia recebido R$ 82,5 milhões. Com os R$ 18,8 milhões liberados hoje, totalizam-se R$101,3 milhões, correspondentes a, aproximadamente, 71% do total da Lei Orçamentária Anual (LOA) – ou seja, valor ainda insuficiente para garantir a continuidade dos serviços até o final do ano.

Segundo Frank Casado, pró-reitor de Planejamento, mesmo com esta liberação, a universidade só conseguirá manter o funcionamento de suas principais atividades até meados de outubro. Ainda é preciso a liberação de, pelo menos, R$ 41,6 milhões para que a UFSM integralize o recebimento do valor total previsto no seu orçamento (LOA 2019) e possa encerrar o ano.

Como forma de enfrentar a situação, no início desde mês a Reitoria da UFSM comunicou uma série de medidas de redução de despesas. Essas ações seguem vigentes. No entanto, as ações de assistência estudantil como fomento à permanência e à inclusão estão preservadas.

Texto: Mariana Henriques / Assessoria de Comunicação do Gabinete do Reitor


Publicações Recentes