Ir para o conteúdo UFSM Ir para o menu UFSM Ir para a busca no portal Ir para o rodapé UFSM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Pesquisadores da UFSM-PM explicam como são feitos os testes da Covid-19



Foi realizado na última quinta-feira (7), no auditório do campus da Universidade Federal de Santa Maria de Palmeira das Missões, o Seminário Técnico “Diagnóstico Molecular de SARS-CoV-2: Biossegurança e Técnicas”. A atividade, promovida pelos Laboratórios de Genética Evolutiva e Microbiologia da UFSM-PM, foi destinada aos profissionais da saúde envolvidos nos diagnósticos da Covid-19 no município e região e à população em geral, através de uma transmissão ao vivo pelo Facebook.

De acordo com a professora Ângela Batista, integrante da equipe que realiza os testes no campus, o objetivo da ação foi explicar como ocorre o processo de testagem, desde a coleta das amostras até a emissão do laudo pela UFSM. “Para um cientista é um desafio popularizar a ciência, utilizar palavras simples para divulgar algo tão técnico e científico à comunidade. O diagnóstico do novo coronavírus não é simples, mas hoje explicamos para a população que, com a equipe treinada da universidade e com o apoio recebido, ele é possível de ser realizado em nossos laboratórios.”

A atividade fez parte da programação da Marcha Virtual pela Ciência no Brasil, evento promovido pela Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência que tem a intenção de chamar a atenção para a importância da ciência no enfrentamento da pandemia de Covid-19 e de suas implicações sociais, econômicas e para a saúde das pessoas. “Nesse momento, a divulgação do nosso trabalho tranquiliza a população que tem tantas incertezas em momento de pandemia. Além disso nossa transmissão ao vivo nos permitiu marchar junto com vários cientistas em defesa da ciência que, neste momento, ganha um outro significado para o benefício à comunidade.”

A realização dos testes para diagnosticar a Covid-19 é feita através de parcerias entre a instituição, a prefeitura de Palmeira das Missões, além de mais de 10 municípios da região. As parcerias com a comunidade também foram fundamentais para que fosse possível diagnosticar o vírus no município. Fernandes Vincensi é presidente da Associação Escola Técnica do Comércio, que doou o aparelho necessário para diagnosticar o novo coronavírus.

“O importante, nestas ocasiões, são as ações conjuntas levadas a efeito: comunidade científica, órgãos de saúde  e sociedade civil em prol da saúde pública. Esperamos que, a partir disso, possam ocorrer novas iniciativas no combate a esta pandemia. Esperamos que o isolamento social, o distanciamento, o uso adequado dos equipamento de higiene e proteção individual sejam iniciativas tomadas por todos, pois só assim venceremos esta batalha”, afirmou o presidente.

O vídeo do seminário está disponível no Facebook da UFSM-PM.

Texto: Assessoria de Comunicação UFSM-PM


Publicações Recentes