Ir para o conteúdo UFSM Ir para o menu UFSM Ir para a busca no portal Ir para o rodapé UFSM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Empresas incubadas na UFSM oferecem serviços adicionais e gratuitos para a sociedade



Devido à atual crise econômica, as empresas Nekto e Gestão DS, incubadas na UFSM, buscam alternativas para continuarem suas atividades no mercado. As empresas uniram o empreendedorismo e a solidariedade para atender às demandas dos seus clientes durante este momento de pandemia

Plataforma que fornece atenção médica a pacientes que estão em locais diferentes

A Gestão DS, startup da área da saúde, oferece softwares para gestão de clínicas e consultórios médicos. Diante da pandemia, a empresa percebeu uma necessidade maior para a implementação dos seus produtos no mercado. O diretor comercial da empresa, Felipe Ravanello, explica que com o avanço da telemedicina foi possível disponibilizar, sem acréscimos nos planos dos usuários, esse tipo de funcionalidade que já estava mapeado na empresa. “Prezamos muito pela segurança da informação que tem dentro do software, então realizamos uma parceria com uma plataforma americana, que tem o selo HIPAA Compliance, garantindo que a ligação está sendo feita em um ambiente seguro, e com dados criptografados. Não estamos cobrando nada a mais, o cliente só compra o saldo e nós repassamos para essa empresa, dessa forma consegue atender os seus pacientes de forma prática e segura”, explica.

       O software para a telemedicina da Gestão DS foi um dos primeiros a serem liberados para os usuários no Brasil. “Nosso primeiro foco foi ajudar, resolver uma demanda que estava no mercado. Neste período também lançamos um curso na área médica e cobramos um valor para a capacitação. Com o valor arrecadado no curso conseguimos doar R$ 5 mil para a Cruz Vermelha, além de uma doação de macacões ao HUSM”, destaca o diretor comercial.

Ferramenta de recrutamento e seleção gratuita para empresas 

A empresa Nekto oferece uma plataforma que integra os processos de gestão de pessoas, atendendo às necessidades de candidatos e empresas. Desde abril, a Nekto não está cobrando a mensalidade dos seus clientes, e disponibilizou a ferramenta de recrutamento e seleção gratuita, para que outras empresas possam utilizar. Essas são alternativas que a Nekto encontrou para manter o contato com os seus clientes. “Sabemos que muitas empresas não estão contratando, na verdade estão demitindo, então nós inserimos dentro da plataforma roteiros, inclusive roteiro de entrevista e desligamento, para ajudar essas empresas”, explica a diretora da Nekto, Lidiane Bertê. Apesar de ser um período de demissões, Lidiane ressalta que é um bom momento para formar banco de talentos, pois  quando houver uma retomada da economia, as empresas vão contratar novos funcionários. As empresas e pessoas que estão sem emprego, podem se cadastrar no site da Nekto,ou pelo do aplicativo Nekto Tecnologia, disponível na Play Store. É possível conferir também o vídeo da iniciativa.

Atitude empreendedora e solidária

Outra iniciativa que envolve empreendedorismo e solidariedade é do sócio da empresa Parceria Solar, incubada na UFSM. Rodrigo Corrêa teve a ideia de criar o Puxe Brasil, um site que conecta profissionais liberais com a comunidade. O objetivo do site é cooperar com o desenvolvimento econômico e social de microempreendedores individuais, microempresas e profissionais autônomos, através da visibilidade e divulgação de seus produtos e serviços. Um movimento em rede, sem fins lucrativos e não governamental. Confira a reportagem completa sobre essa iniciativa acessando o site da Agência de Inovação e Transferência de Tecnologia (Agittec). 

Todas as empresas incubadas na UFSM estão trabalhando em home office.  

Texto: Luana Giazzon, acadêmica de Jornalismo e bolsista da Agência de Inovação e Transferência de Tecnologia (Agittec)Edição: João Ricardo Gazzaneo


Publicações Recentes