Ir para o conteúdo UFSM Ir para o menu UFSM Ir para a busca no portal Ir para o rodapé UFSM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Estudo da UFSM sobre desenvolvimento regional é apresentado ao governo do estado

O objetivo foi apresentar a necessidade de pavimentação asfáltica para o desenvolvimento de municípios da região norte do Rio Grande do Sul



Nesta segunda-feira, 08, uma comitiva de autoridades de diversos municípios da região norte do estado esteve presente em audiência com o governo do estado do Rio Grande do Sul. Como representante da UFSM, esteve o Chefe do Departamento do curso de Ciências Econômicas da UFSM Palmeira das Missões, professor Nilson Luiz Costa. 

No encontro foram discutidos os acessos asfálticos na microrregião que engloba os municípios de Constantina, Engenho Velho, Liberato Salzano, Novo Xingu, Ronda Alta e Três Palmeiras. Na ocasião, Costa apresentou os resultados do estudo denominado “ERS 9010, uma estratégia de Desenvolvimento Regional”, construído no âmbito do Projeto Aceleração Regional, em parceria com a Sicredi Região da Produção RS/SC/MG, a UFSM e a FATEC e que foi utilizado para embasar a reunião proposta.

Entre os principais resultados apresentados foi destacado que a pavimentação asfáltica nesta região de alta aptidão para o desenvolvimento de atividades agropecuárias, saúde, educação, cultura e turismo promove um significativo avanço logístico e favorece a ampliação de investimentos, sobretudo, em áreas que atualmente são de difícil acesso por setores que contribuem significativamente para a geração de emprego, renda e impostos, como os segmentos de produção de proteína animal, de grãos e de serviços. 

A partir desta perspectiva, foi defendido que a ligação asfáltica entre a BR 386 e a RS 324, via ERS 9010, se constitui como eixo estruturante microrregional e tende a estimular a mobilidade de capital, de trabalho e de mercadorias em um local cuja economia encontra-se deprimida. Também foi destacada a importância dos empreendimentos industriais em Sarandi, Três Palmeiras, Seberi e arredores, que poderão ampliar a busca por trabalhadores também das proximidades de Engenho Velho.

Como encaminhamento do encontro, ficou acertado que o projeto de pavimentação asfáltica entre Constantina e Engenho Velho ficará pronto no final de setembro. O governo do estado afirmou que em seguida encaminhará o projeto para a Secretaria da Fazenda, para ser licitado. 

Mais detalhes sobre a apresentação realizada na audiência podem ser encontrados no site.

 

Com informações e foto do Departamento de Ciências Econômicas da UFSM PM

Divulgue este conteúdo:
https://ufsm.br/r-1-59370

Publicações Relacionadas

Publicações Recentes