Pular para o conteúdo
Português English Español Français Italiano

Redes Sociais

Início do conteúdo

Sobre o curso

Missão

Formar profissionais responsáveis pelo desenvolvimento ambientalmente correto, economicamente viável e socialmente justo. O Curso de Engenharia Florestal tem como objetivo formar profissionais  capazes de absorver e desenvolver tecnologias voltadas para a produção de matérias-primas de origem florestal, observando aspectos sociais, políticos, econômicos e ambientais. O engenheiro florestal formado na UFSM campus de Frederico Westphalen terá amplo preparo técnico para propor inovações tecnológicas, visando gerar benefícios em vários âmbitos para a sociedade, tanto no meio rural como urbano.

 

Perfil do egresso

As competências do Engenheiro Florestal são amplas, podendo ser resumidas na habilidade de gestão de projetos, programas, processos, sistemas e políticas vinculadas à silvicultura, tecnologia da madeira, geoprocessamento e ao manejo florestal, levando em conta o desenvolvimento sustentável e a conservação ambiental.

 

Atuação profissional

O engenheiro florestal pode atuar em diferentes órgãos, sejam públicos, privados ou do terceiro setor, em áreas rurais e urbanas na coordenação de planejamento, execução e revisão de: Planos de implantação e de manejo florestal, inclusive de áreas degradadas; Sistemas de produção florestal em florestas naturais e plantadas; Políticas públicas sobre a conservação e uso de ecossistemas florestais; Políticas de atuação de entidades de defesa do meio ambiente; Sistemas de monitoramento ambiental e o planejamento e execução de projetos de extensão rural; Programas de educação ambiental e projetos ambientais; Classificação, espacialização e quantificação de Recursos Naturais Renováveis; Panos de arborização e paisagismo; de fauna silvestre; de avaliação e perícia; de turismo rural e ecoturismo; Sistemas de manejo e produção de produtos secundários da floresta; Sistemas agrossilvipastoris e de produção e cultivo de espécies florestais de interesse regional; e Abastecimento de indústrias e controle de qualidade de matéria-prima florestal.