Ir para o conteúdo Engenharia de Computação Ir para o menu Engenharia de Computação Ir para a busca no site Engenharia de Computação Ir para o rodapé Engenharia de Computação
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Trabalhos da UFSM são apresentados na maior conferência de microeletrônica da América do Sul



De 28 de agosto a 1º de setembro, docentes e alunos do Centro de Tecnologia (CT) participaram do congresso Chip on the Sands 2017, em Fortaleza (CE), que reuniu vários eventos da área de engenharia e computação para apresentar e discutir questões relevantes relacionadas com as principais áreas de pesquisa e desenvolvimento da microeletrônica. Na ocasião, o professor do departamento de Eletrônica e Computação César Prior e os estudantes do curso de Engenharia de Computação Lucas Cielo Borin e Augusto Gouvêa Weber apresentaram trabalhos desenvolvidos dentro do Grupo de Microeletrônica (GMicro) da UFSM.

Dentre os eventos do congresso foram realizados o Fórum de Educação em Engenharia de Computação (FEEC) e 7th Workshop on Circuits and Systems Design (WCAS) – no qual o professor do departamento de Eletrônica e Computação João Baptista dos Santos Martins integrou o comitê de avaliação.

O FEEC é uma oportunidade de exposição, análise e discussão dos principais aspectos, particularidades e dificuldades dos processos de ensino e aprendizagem dos cursos de Engenharia de Computação e relacionados. Nele que, na segunda-feira (28), Augusto e Lucas apresentaram, respectivamente, os artigos intitulados “Desenvolvimento de um chip educacional contendo 1KB de memória SRAM” e “Projeto de circuitos digitais integrados visando o ensino de eletrônica na formação em Engenharia de Computação”.

Já o WCAS é voltado à apresentação de metodologias de design inovadores e aplicação de tecnologias de design específicas em um contexto industrial, educacional e de pesquisa. Para este evento o professor César demonstrou algumas considerações sobre a topologia simplificada de interruptores tolerantes a tensão para estimulação elétrica funcional implantável, que integra o projeto “Desenvolvimento de módulos funcionais integrados para aplicação de monitoramento remoto de sinais biomédicos”, coordenado pelo professor João Baptista.

Além dos eventos citados, também faziam parte do Chip on the Sands: o 30th Symposium on Integrated Circuits and Systems Design, o 2nd Symposium on Microelectronics Technology and Devices, o 17th Microelectronics Students Forum, o 2nd International Symposium on Instrumentation Systems, Circuits and Transducers e o Workshop IoT. O Chip in é uma série de eventos que começou em 2000 com o Chip in the Jungle, no estado do Amazonas.

Inicialmente atuando como um laboratório de projeto de circuitos integrados, o GMicro estendeu sua atuação e hoje é responsável pelas linhas de Pesquisa em Microeletrônica e Processamento de Sinais nos Programas de Pós-graduação em Engenharia Elétrica e Informática. No programa de Pós-graduação em Informática o grupo também desenvolve trabalhos na área de Tolerância à Falhas.


Publicações Recentes