Ir para o conteúdo Serviço Social Ir para o menu Serviço Social Ir para a busca no site Serviço Social Ir para o rodapé Serviço Social
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Estágios

APRESENTAÇÃO DOS ESTÁGIOS EM SERVIÇO SOCIAL UFSM

Concebemos o estágio como processo didático-pedagógico, que se consubstancia em atividade teórico-prática, efetivada por meio da inserção supervisionada do estudante nos espaços sócio institucionais nos quais trabalham os/as assistentes sociais, capacitando-o/a nas dimensões teórico-metodológica, ético-política e técnico-operativa para o exercício profissional. Tal processo impulsiona o desenvolvimento de competências e habilidades necessárias ao exercício profissional, bem como a construção do perfil pretendido – crítico, criativo, propositivo e investigativo, comprometido com os valores e princípios que norteiam o projeto ético-político profissional.

 

Na prática de estágio o acadêmico é instigado a elaborar reflexões críticas que possibilitarão a formação de sua identidade profissional, o que pressupõe a supervisão acadêmica e de campo, de maneira sistemática. Nessa perspectiva, cabe-nos indagar sobre o papel do supervisor e seus desafios para a formação e exercício profissional do estudante que realiza estágio.

A fundamentação legal da supervisão de estágio está expressa no Código de Ética do AS e, mais especificamente, na Resolução CEFSS no. 533, de 29 de setembro de 2008, na qual se regulamenta a supervisão direta de estágio no Serviço Social. Vale destacar que a supervisão de estágio deve ser realizada conjuntamente pelo(a) supervisor(a) acadêmico(a) e de campo, requerendo encontros semestrais periódicos (sistemáticos) entre estes (as) – constitui-se atribuição privativa de assistentes sociais, configurando-se processo coletivo de ensino-aprendizagem, no qual se realiza a observação, registro, análise e atuação do(a) estagiário(a) no campo de estágio, bem como a avaliação do processo de aprendizagem discente, visando a construção de conhecimentos e competências para o exercício da profissão.

 

 

PERÍODO DE REALIZAÇÃO DO ESTÁGIO

 

 

CARGA HORÁRIA REALIZADA

 

SEMESTRE

 

PRÁTICA

 

 

TEÓRICO

 

 

TEÓRICA-PRATICA

 

 

6º SEMESTRE

 

180

 

60

 

60

 

7º SEMESTREz

 

180

 

60

 

60

 

ORGANIZAÇÃO DOS ESTÁGIOS

  • COMISSÃO DE ESTÁGIOS

 

Uma comissão deliberativa composta por as diferentes representações dos atores sociais envolvidos no processo de estágio: supervisores acadêmicos, supervisores de campo e estagiários. Delibera no que concerne a ações e processos de tomada de decisão no que se refere aos estágios obrigatórios e não obrigatórios do Curso de Serviço Social da UFSM.

 

  • ASSESSORIA DE ESTÁGIOS

 

A assessoria de estágios é composta por duas assistentes sociais do Departamento de Serviço Social, além de ser um campo de estágio para estudantes do curso. Dentre as principais atividades destacam-se:

 

  • Participação na Comissão de Estágios
  • Gestão dos estágios obrigatórios e não obrigatórios

 

  • Coordenação de Projeto de Extensão
  • Acolhimento aos estudantes
  • Organização de Eventos e educação permanente
  • Participação em entidades representativas da categoria e conselhos de políticas públicas

 

POLÍTICAS PÚBLICAS EM QUE OCORREM OS ESTÁGIOS

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anexos