Ir para o conteúdo PPGAGR Ir para o menu PPGAGR Ir para a busca no site PPGAGR Ir para o rodapé PPGAGR
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

DESENVOLVIMENTO, uma TAREFA de TODOS



Nos últimos dias, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou a atualização da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua – (PNAD Contínua). Nesta, é possível observar que o Brasil entá consolidando uma tendência de redução na taxa de desemprego, que chegou ao nível 13,1% no início do ano de 2018 e na média de jul-ago-set ficou em 11,9%.
Esta, de fato, é uma preocupação de abrangência nacional, uma vez que está presente em diversas regiões e tem prejudicado o desempenho das economias, pois a capacidade de consumo das famílias e o nível de emprego da população estão diretamente associados aos volumes de venda e produção do sistema econômico.
Com o objetivo de elaborar uma breve análise sobre o mercado de trabalho em municípios do Corede Celeiro-RS e considerando que neste momento não se dispõe de uma taxa de desemprego calculada para esta importante região, buscou-se as estatísticas mais recentes do Programa de Disseminação das Estatísticas do Trabalho (PDET), em especial as informações oriundas da Relação Anual de Informações Sociais (Rais). Estes dados permitem identificar o número de empregos formais (celetistas e estatutários) gerados nos municípios, bem como o total de salários recebidos pelos empregados.
Os resultados mostram que ao final de 2017, o número de empregados nos municípios do Corede Celeiro foi de 23.240 pessoas (equivalente a 0,8% do total do estado), que receberam, em média, um salário mensal total de R$ 44,16 milhões. Três Passos com 5.821, Santo Augusto com 2.740 e Tenente Portela com 2.466 empregados são os municípios com os maiores números de vínculos ativos, conforme pode ser observado na figura a seguir.

 


Notícia vinculada a


Publicações Recentes