Ir para o conteúdo PPGAGR Ir para o menu PPGAGR Ir para a busca no site PPGAGR Ir para o rodapé PPGAGR
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Convite para Defesa de Dissertação



Discente: Gabrieli dos Santos Amorim

Título da dissertação: “FATORES DECISÓRIOS NA SUCESSÃO GERACIONAL DOS FILHOS DE ASSOCIADOS DE COOPERATIVAS AGROPECUÁRIAS”  

Resumo:A população jovem rural está vulnerável a migrações do rural para o urbano na busca de atender suas necessidades pessoais e profissionais, e assim acaba por promover o êxodo rural que leva a diversas consequências ao meio rural, como a masculinização e o envelhecimento da população rural, a falta de sucessão geracional e de mão de obra qualificada. A falta de sucessão geracional é o arcabouço que sustenta o objetivo deste estudo ao analisar os fatores decisórios que influenciam na sucessão geracional dos filhos de associados de cooperativas agropecuárias nos segmentos de grãos, carne e leite no estado do Rio Grande do Sul. Os 25 fatores decisórios foram analisados na perspectiva dos jovens sucessores e das cooperativas agropecuárias. A metodologia utilizada é classificada como uma pesquisa de abordagem mista qualitativa e quantitativa, com a utilização de um questionário como instrumentos de coleta de dados. O questionário foi aplicado a amostra total de 308 jovens sucessores com faixa etária entre 18 e 30 anos e a um membro responsável de cada cooperativa agropecuária, no período de julho a novembro de 2019. Deste modo, realizou-se a análise do nível de importância e desempenho dos fatores decisórios e optou-se pela utilização da metodologia adaptada de Slack, Chambers e Johnston (2007) a matriz de importância-desempenho, que analisa os fatores com base em quatro zonas de prioridades de melhoramento. Além de avaliar os fatores decisórios e analisar os determinantes da permanência dos jovens rurais no campo, o estudo buscou ajudar as cooperativas agropecuárias na formulação de estratégias para que os jovens rurais permaneçam no campo e garantam o quadro social de associados das cooperativas no futuro. Os resultados apontaram, que a maioria jovens sucessores são rapazes solteiros e que estão inseridos nas atividades produtivas das propriedades rurais. Quanto aos fatores decisórios, na opinião dos jovens sucessores, na cooperativa agropecuária de carnes, os fatores que necessitam de melhoria são a valorização social do produtor e o preço do produto agrícola. Na cooperativa de leite os fatores decisórios que necessitam de melhoria são a infraestrutura de lazer na comunidade rural, valorização social do produtor e o preço do produto agrícola e o fator que necessita de melhoria urgente é a infraestrutura de estradas. Na cooperativa de grãos, os fatores decisórios que necessitam de melhoria são a infraestrutura de lazer na comunidade rural, infraestrutura de estradas, valorização social do produtor, preço do produto agrícola e o crédito rural e políticas públicas. Em relação aos fatores decisórios na opinião das cooperativas agropecuárias, nenhum dos fatores decisórios necessitam de melhorias na cooperativa de carnes, ao passo que 48% dos fatores na cooperativa de grãos e 68% na cooperativa de leite necessitam de melhorias. Observou-se que tanto os jovens sucessores, quanto as cooperativas agropecuárias, compartilham de opiniões comuns sobre os fatores decisórios. Portanto, é relevante que as cooperativas agropecuárias procurem compreender os fatores decisórios que necessitam de melhorias e busquem por aperfeiçoá-los, principalmente os que possuem baixo desempenho em relação a importância.

Gabrieli Santos


Publicações Recentes