Ir para o conteúdo PPGAGR Ir para o menu PPGAGR Ir para a busca no site PPGAGR Ir para o rodapé PPGAGR
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Convite para Defesa de Dissertação



Discente: Jenaine de Azevedo

Título da dissertação: “GESTÃO ECONÔMICO-FINANCEIRA DE PROPRIEDADES RURAIS SOB A PERSPECTIVA DOS AGENTES DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA”

Resumo: Qual o papel dos agentes de assistência técnica no processo de gestão econômico-financeira de propriedades rurais? Estes agentes compreendem a importância deste processo? Conseguem intervir, nesta área, durante as visitas? E, caso não tenham a possibilidade de intervenção no processo de gestão econômico-financeira, quais os principais motivos? Buscando responder estas questões, esta pesquisa foi realizada por meio de dois procedimentos técnicos: o questionário e a entrevista. O questionário foi dividido em quatro blocos de questões, qunato a caracterização do assistente técnico, caracterização das propriedades rurais atendidas, o tipo de assistência prestada pelos assistentes técnicos e a importância atribuída a gestão econômico-financeira pelos agentes de assistência técnica e a possibilidade de intervenção dos mesmos nesse processo. A entrevista buscou aprofundar alguns aspectos relacionados a gestão econômico-financeira das propriedades identificando quais as principais dificuldades encontradas na transmissão desses conhecimentos aos produtores rurais, para que assim possam ser estudadas alternativas capazes de contribuir com esse processo. A amostra da pesquisa é não probabilística, e o questionário foi aplicado de forma online, através do Google Forms. Para a realização das entrevistas foram selecionados alguns respondentes que possibilitaram aprofundar algumas questões sobre o assunto. Os dados foram tabulados em planilhas do Microsoft Excel ® e analisados por meio de estatísticas descritivas, análises de variância e testes de médias, por meio do software SAS®. Também foram construidas matrizes de importância x possibilidade de intervenção, através de uma adaptação do método de Slack, Chambers e Jhonston (2008). O primeiro artigo da dissertação permitiu identificar que o perfil do agente de assistência técnica é o que interfere de maneira mais significativa no processo de gestão econômico-financeira das propriedades rurais, pois a frequência de atualizações e a área de formação são significativas (α=0,10 pelo teste de F). O segundo, demonstrou que os agentes de assistência técnica atribuem alta importância a gestão econômico-financeira de propriedades rurais, porém a intervenção neste processo é baixa. Neste viés, a assistência técnica com maior possibilidade de intervenção são as empresas de consultoria e assessoria, enquanto os fornecedores de insumos possuem a menor possibilidade de intervenção. E, por fim, no último artigo, foram elencadas as dificuldades encontradas pelos agentes de assistência técnica na transmissão de conhecimentos aos produtores rurais, que reflete na baixa possibilidade de intervenção. Constatou-se que essas dificuldades estão relacionadas, em sua maioria, ao perfil do produtor rural que se apresenta sendo mais conservador, com desconhecimento sobre aspectos relacionados a gestão econômico-financeira e com poucos recursos financeiros para investir. A atuação da assistência técnica também é vista, porém na minoria, como responsável pela baixa possibilidade de intervenção com profissionais focados em outros segmentos específicos de assistência técnica e não direcionados a gestão econômico-financeira de propriedades rurais.

Jenaine Azevedo

Publicações Relacionadas

Publicações Recentes