Ir para o conteúdo PPGA Ir para o menu PPGA Ir para a busca no site PPGA Ir para o rodapé PPGA
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Começa novo projeto de extensão na parceria Emater/PhenoGlad



Reunião dia 30/01/2018 entre equipe PhenoGlad da UFSM e extensionistas da Emater/RS-Ascar Regional de Santa Maria acertou os detalhes do novo projeto de extensão.

Desde a reunião do dia 25/09/2017 quando foi firmada a parceria entre a equipe PhenoGlad e a Emater Regional de Santa Maria (ver matéria em: http://www.cropmodels.ufsm.br/25/09/2017/reuniao-marca-inicio-de-parceria-entre-equipe-phenoglad-e-emater-de-santa-maria/), os trabalhos não param para construir e consolidar uma “parceria de resultados”, como lembrado pela Gerente Regional da Emater de Santa Maria Regina Helena Santarem Hernandes, que sempre recebeu a equipe PhenoGlad com muito entusiasmo e apoio.

A primeira ação de resultado da parceria foi no município de Dilermando de Aguiar (ver matéria http://www.cropmodels.ufsm.br/04/10/2017/parceria-entre-equipe-phenoglad-e-ematerrs-ascar-entra-em-acao/), que resultou na produção de gladíolos e sua comercialização na feira daquele município na semana que antecedeu o Natal/2017 e o Ano Novo pelo casal de produtores de orgânicos sr. Elton e sua esposa Ivorema Staggemeier, sob a supervisão da extensionista da Emater/RS-Ascar do municipal de Dillermando de Aguiar Luana Fernandes Tironi (http://www.cropmodels.ufsm.br/15/12/2017/novidade-comercializacao-de-gladiolo-na-feira-de-dilermando-de-aguiar/).

Gladiolos comercializados diretamente em feiras são um ótimo negócio tanto para o produtor como para o consumidor. Foto: Arquivo/PhenoGlad.

O ano de 2018 iniciou com a definição de um novo projeto, que amplia a experiência de sucesso com o casal Staggemeier. O objetivo deste projeto é identificar o potencial da cultura do gladíolo como fonte adicional de renda ao pequeno produtor e feirante na Região Central do Rio Grande do Sul. Para tanto, serão implantadas unidades demonstrativas com cinco cultivares de gladíolo, cada uma com haste floral de cor diferente, em dois produtores em Cachoeira do Sul e um produtor nos municípios de Nova Palma, Santiago, Santa Maria e no produtor de Dilermando de Aguiar. Cada produtor receberá 50 cormos (assim chamados os bulbos de gladíolo) de cada cultivar, totalizando 250 cormos para cada produtor, que serão plantados em um canteiro de 1 m x 30 m em sua propriedade. O plantio será realizado visando ter a flor pronta para os produtores comercializarem no Dia das Mães deste ano. A equipe PhenoGlad juntamente com os extensionistas dos escritórios municipais da Emater/RS-Ascar de cada um dos municípios envolvidos no projeto darão todo o suporte ao produtor e participarão das principais atividades de manejo da cultura, como o plantio, adubação, tutoramento e colheita. O produtor entra com o trabalho de fazer o preparo do solo, aplicar calcário e fazer adubação orgânica. Os gladíolos serão vendidos pelos próprios produtores em feiras nos seus municípios.

Cultivo de gladíolo na propriedade do casal Staggemeier em Dilermando de Aguiar teve o acompanhamento técnico da equipe PhenoGlad e da Emater. Foto: Arquivo/PhenoGlad.

A reunião que marcou o início do novo projeto de extensão ocorreu na última terça-feira (30/01/2018) em Santa Maria no campus da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Participaram da reunião os integrantes da equipe PhenoGlad da UFSM, o Assistente Técnico Regional (ATR) em Sistemas de Produção Vegetal da Regional da Emater de Santa Maria Alfredo Schons e os extensionistas da Emater/RS-Ascar Sílvio Augusto Wilhelm, do escritório municipal de Cachoeira do Sul, e Otavio Mendonça Poleto, do escritório municipal de Santiago. Após a reunião que definiu os detalhes do novo projeto de extensão, os participantes da reunião fizeram uma visita técnica nos experimentos com a cultura do gladíolo que estão sendo atualmente conduzidos pela equipe PhenoGlad no Departamento de Fitotecnia da UFSM. Durante a visita técnica, foram abordadas as principais práticas de manejo da cultura, como tutoramento, controle de doenças e plantas daninhas e momento da colheita. Também foi discutida a importância da irrigação, os efeitos do déficit hídrico e a importância da utilização do sombreamento em gladíolo nas épocas mais quentes do ano.

A regional da Emater de Santa Maria é responsável por 35 municípios e, através de sua capilaridade, pretende-se levar o cultivo do gladíolo como alternativa de diversificação e agregação de renda para a pequena propriedade familiar. A equipe PhenoGlad acredita que o gladíolo é uma cultura é ideal para esses propósitos, pois é de fácil condução, cultivada a campo e com baixo custo de implantação. Além disso, o fato do produtor do gladíolo vender sua produção diretamente para o consumidor em feiras aumenta o lucro do produtor e diminui o preço ao consumidor.

A equipe PhenoGlad é uma equipe multidisciplinar e multi-institucional de trabalho que pensa a Floricultura e o Paisagismo de forma sistêmica, com princípios fortemente baseados na ciclagem de nutrientes da lavoura e na sustentabilidade social, ambiental e econômica da propriedade rural. Busca nas suas ações de pesquisa e extensão apresentar soluções para a intensificação sustentável da agricultura, de acordo com o que preconiza a FAO, com foco nas demandas da pequena propriedade rural e na entrega de uma agricultura sustentável para as futuras gerações de modo a atrair e manter jovens no campo. Atualmente a equipe PhenoGlad tem equipes de trabalho na UFSM (Santa Maria e Frederico Wesphalen), na Unipampa-Itaqui, na Universidade Federal de Santa Catarina (Curitibanos), no Instituto Federal Catarinense (Concórdia e Rio do Sul) e na Emater/RS-Ascar.

A equipe PhenoGlad agradece à Emater Regional de Santa Maria por acreditar na parceria e ao Centro de Ciências Rurais da UFSM pelo apoio nos projetos de extensão.

Por: Equipe PhenoGlad


Publicações Recentes