Ir para o conteúdo PPGA Ir para o menu PPGA Ir para a busca no site PPGA Ir para o rodapé PPGA
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Linhas de Pesquisa e Projetos

  1. Linha: Desenvolvimento, avaliação e multiplicação de genótipos superiores

Manipulação genética das plantas por métodos convencionais e biotecnológicos para incrementar o rendimento e a qualidade da produção, dentro de um enfoque de sustentabilidade. Identificação de estratégias para a condução e seleção em populações segregantes e em gerações clonais. Introgressão de caracteres de importância econômica no germoplasma cultivado. Desenvolvimento e avaliação de métodos de produção, colheita, beneficiamento e armazenamento de genótipos superiores. Adaptação de técnicas de cultura de tecidos ou cruzamentos interespecíficos. Desenvolvimento de métodos e técnicas laboratoriais para o controle da qualidade de sementes e mudas. Desenvolvimento e aplicação de métodos de análises estatísticas univariadas e multivariadas. Análise de estabilidade e de interação genótipo x ambiente.

 

Projetos de pesquisa:

1.1 Desenvolvimento e avaliação de métodos de propagação de plantas.

Micropropagação in vitro, propagação sexuada e assexuada e microestaquia em sistemas no solo e fora do solo. Professor responsável: Dilson Antônio Bisognin

1.2 Melhoramento genético de plantas cultivadas.

Desenvolvimento e avaliação de novas cultivares de batata e feijão. Professor responsável: Nerinéia Dalfollo Ribeiro

1.3 Modelos biométricos aplicados ao melhoramento de plantas.

Métodos de análise estatística univariada e multivariada em populações segregantes de milho, feijão e batata. Professor responsável: Alessandro dal Col Lúcio

1.4 Experimentação em genética e melhoramento de plantas.

Avaliação da produtividade de milho e feijão em ensaios de competição de genótipos em rede em diferentes locais e épocas. Professor responsável: Lindolfo Storck

1.5 Impacto de modificações ambientais na expressão gênica de plantas.

Avaliação de agentes externos nutricionais ou tóxicos na expressão gênica de plantas cultivadas, daninhas e medicinais visando o melhoramento genético e preservação ambiental. Professor responsável: Solange Bóscio Tedesco

1.6  Processos e técnicas de controle da qualidade física e fisiológica de sementes de plantas cultivadas.

Avaliação de aspectos morfofisiológicos e qualidade de sementes. Aperfeiçoamento e desenvolvimento de métodos para análise de sementes. Professor responsável: Ubirajara Russi Nunes.

2. Linha: Agroclimatologia aplicada à produtividade vegetal

Caracterização das modificações dos elementos do ambiente e de seus reflexos sobre o crescimento e o desenvolvimento das plantas. Desenvolvimento e avaliação de estruturas e/ou instalações para o cultivo de plantas em ambiente controlado ou parcialmente modificado, no solo e fora do solo. Desenvolvimento de modelos de simulação de processos físicos, biofísicos e biológicos para ajustar o manejo das culturas para a previsão de rendimento no ambiente natural, em ambiente protegido e em ambiente natural futuro.

Projetos de pesquisa:

2.1 Modelagem de processos de crescimento e desenvolvimento de plantas.

Desenvolvimento e validação de modelos em culturas de arroz, batata-doce, milho, batata, feijão, hortaliças e flores. Professor responsável: Sandro Luis Peter Medeiros

2.2 Técnicas experimentais em produção vegetal.

Adaptação e avaliação de métodos experimentais em área restrita cultivadas com hortaliças. Professor responsável: Alberto Cargnelutti Filho.

2.3 Sistemas de acompanhamento e previsão do desempenho de agroecossistemas.

Desenvolvimento e avaliação de sistemas de alerta para previsão da ocorrência de doenças em batata e girassol e análise de riscos climáticos de estresse hídrico em diferentes culturas anuais e de doenças em batata e girassol. Professor responsável: Arno Bernardo Heldwein.

2.4 Mudanças ambientais e climáticas e seu impacto na produtividade vegetal.

Resposta de plantas produtoras de grãos e hortaliças às alterações na radiação solar, nas temperaturas do ar e do solo e na concentração do CO2 do ar. Professor responsável: Nereu Agusto Streck.

2.5 Resposta das plantas cultivadas às condições micrometeorológicas 

Estudo do ambiente micrometeorológico acima e no interior do dossel dos cultivos e sua associação com o balanço de energia e resposta das plantas às condições normais de cultivo e ao estresse térmico e hídrico. Professor responsável: Evandro Zanini Righi.

 2.6 Ecofisiologia de espécies agrícolas, ornamentais, medicinais e aromáticas.

Respostas de espécies agrícolas, ornamentais, medicinais e aromáticas as variações nos fatores ecológicos radiação solar, fotoperíodo, água e temperatura do ar. Professor responsável: Isabel Lago

3 Linha: Fisiologia e manejo de culturas agrícolas

 Determinação de possibilidades de interferir sobre os processos fisiológicos que controlam o crescimento e o desenvolvimento das plantas e uso de modelos para estimar o impacto destas modificações sobre a eficiência de produção das culturas na perspectiva da sustentabilidade. Desenvolvimento e calibração de sistemas de alertas agrometeorológicos para o manejo integrado planta-ambiente. Caracterização dos processos fisiológicos e quantificação das modificações que ocorrem em frutas, hortaliças, flores e grãos armazenados sob diferentes condições ambientais. Desenvolvimento e avaliação de técnicas e processos empregados na produção e no armazenamento, visando manter a qualidade e aumentar o período de conservação pós-colheita.

Projetos de pesquisa:

3.1 Controle do crescimento e partição de massa seca em cultivos agrícolas.

Acumulação de massa seca em resposta às variáveis meteorológicas em culturas de arroz, mandioca, batata-doce, cana-de-açúcar, feijão, batata e morangueiro. Professor responsável: Jerônimo Luiz Andriolo

3.2 Modificações ambientais para o controle dos processos fisiológicos e fatores bióticos na conservação pós-colheita de produtos vegetais.

Conservação de frutas e hortaliças em atmosfera natural e modificada, em maçã, pêssego, caqui e morango. Professor responsável: Auri Brackmann

3.3 Manejo da produção no ecossistema várzea.

Manejo da irrigação, adubação e controle de invasoras em lavouras de arroz irrigado. Professor responsável: Ênio Marchesan

3.4 Controle da qualidade dos experimentos de culturas agrícolas. Procedimentos de implantação e condução de experimentos visando aumentar a precisão dos resultados.  Professor responsável: Sidinei José Lopes

3.5 Respostas de elementos químicos essenciais e não-essenciais no crescimento de plantas.

Absorção, transporte e acumulação de elementos químicos essenciais e não essenciais em batata, milho, morango, arroz e feijão. Professor responsável: Fernando teixeira Nicoloso

3.6 Manejo da produção no agroecossistema coxilha.

 Manejo dos processos fisiológicos determinantes da produtividade no agroecossitema coxilha. Professor responsável: Thomas Newton Martin

4. Linha: Bioecologia e manejo de organismos em sistemas agrícolas

 

Identificação e caracterização de agentes bióticos com risco potencial de danos ao crescimento e ao desenvolvimento de plantas cultivadas. Levantamento, identificação, biologia e ecologia de pragas, patógenos e agentes biológicos de controle. Métodos bióticos, físicos e químicos para controle de pragas e doenças visando à proteção de plantas.

Projetos de pesquisa:

4.1 Manejo de plantas daninhas e impacto de agroquímicos no agroecossistema.

Crescimento e densidade populacional de invasoras em lavouras de soja, milho e arroz através de diferentes métodos de controle natural e químico. Professor responsável: Sérgio Luis de Oliveira Machado

4.2 Manejo de doenças em cultivos agrícolas.

Prevalência e métodos de controle químico de doenças em lavouras de soja, milho, trigo hortaliças. Professor responsável: Ricardo Silveiro Balardin

4.3 Manejo de pragas em cultivos agrícolas.

Avaliação populacional e métodos de controle químico de pragas em lavouras de soja, arroz, milho. Professor responsável: Jerson Vanderlei Carus Guedes

4.4 Controle biológico de doenças e de pragas em cultivos agrícolas. Agentes e eficiência do controle biológico de pragas e doenças em hortaliças. Professor responsável: Elena Blume.

4.5 Métodos de controle de fitopatógenos e tecnologia de aplicação de fungicidas.

Controle de fitopatógenos em culturas anuais e perenes, com a utilização de diferentes metodologias e equipamentos. Professor responsável: Ivan Dressler da Costa.

4.6 Processos e técnicas de controle da sanidade de sementes de plantas cultivadas.

Avaliação do impacto de variáveis do ambiente externo no desenvolvimento e progressão de patógenos em sementes. Desenvolvimento e avaliação de processos e métodos de preservação da sanidade de sementes armazenadas. Professor responsável: Marlove Fátima Brião Muniz.