Ir para o conteúdo PPGBA Ir para o menu PPGBA Ir para a busca no site PPGBA Ir para o rodapé PPGBA
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Professor do PPGBA desenvolve pesquisa científica no Instituto e Museu Paleontológico da Universidade de Zurique



Durante o mês de Junho de 2019, o professor paleontólogo Leonardo Kerber do Programa de Pós-Graduação em Biodiversidade Animal da UFSM esteve desenvolvendo pesquisa científica no Instituto e Museu Paleontológico da Universidade de Zurique, Suíça (Paläontologisches Institut und Museum, Universitat Zürich), juntamente com o grupo “Evolutionary morphology and Paleobiology of Vertebrates” coordenado pelo profº Dr. Marcelo R. Sánchez-Villagra. A estadia na instituição europeia fez parte do Programa Institucional de Internacionalização da CAPES/UFSM e também contou com recursos financiados pela Palaeontological Association. Durante o período, Leonardo realizou tomografia computadorizada de crânios de mamíferos e seus ancestrais, os cinodontes não-mammaliaformes. Com os dados, é possível acessar informações anatômicas presentes dentro do crânio desses animais, o que antes era possível somente através de métodos destrutivos. Os modelos tridimensionais também permitem reconstruir a morfologia externa de estruturas formadas por tecidos moles, e que normalmente não ficam preservadas em fósseis, como é o caso do cérebro, ouvido interno, seios paranasais, entre outros.

         Na ocasião, também foram desenvolvidas parcerias com pesquisadores Universidade de Zurique, que irão incrementar a qualidade e internacionalização do trabalho realizado por pesquisadores e alunos da UFSM vinculados ao Centro de Apoio à Pesquisa Paleontológica da Quarta Colônia.

 

Microtomógrafo industrial da Universidade de Zurique utilizado para as análises.

 

Seleção de espécimes para as análises pelo pesquisador Leonardo Kerber.

 

Modelo tridimensional do crânio de um roedor gerado por tomografia computadorizada evidenciando o molde endocraniano do encéfalo.

 

 


Publicações Recentes