Ir para o conteúdo PPGCC Ir para o menu PPGCC Ir para a busca no site PPGCC Ir para o rodapé PPGCC
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Defesa de Mestrado 17/04



Titulo: ESPECIFICAÇÃO DE UMA ARQUITETURA PARA MIGRAÇÃO DE MÁQUINAS VIRTUAIS UTILIZANDO ONTOLOGIAS
Aluno: Rafael Barasuol Rohden
Orientador: Benhur de Oliveira Stein
Co-orientador: Giovani Rubert Librelotto

Data: 23/07/15
Horário: 14h
Local: Sala 321 do Centro de Tecnologia

Banca:

Dr. BENHUR DE OLIVEIRA STEIN UFSM Orientador
Dr. GIOVANI RUBERT LIBRELOTTO UFSM Co-orientador
Drª. ANDREA SCHWERTNER CHARAO UFSM Examinador
Dr. LUIZ ANGELO STEFFENEL URCA Examinador
Dr. JOAO VICENTE FERREIRA LIMA UFSM Suplente

Resumo: A computação em nuvem é um novo campo na computação, sobretudo na Internet, que proporciona novas perspectivas no domínio das tecnologias de interconexões e levanta problemas na arquitetura, design e implementação de redes existentes e de Data Centers. Atualmente, através de tecnologia como virtualização de servidores, vem sendo largamente utilizado para disponibilização de serviços por demanda evitando que haja o espalhamento de servidores. Desta forma, os servidores são utilizados de maneira que seus recursos sejam melhores empregados para garantir a disponibilidade de recursos e serviços para os usuários, permitindo assim, que estes usuários acessem serviços baseados em suas necessidades, independentemente de onde os serviços são hospedados ou como eles são entregues. Sendo esta a característica principal da Computação em Nuvem. No entanto, em algum momento servidores podem ficar sobrecarregados e outros podem ficar mais ociosos, e a maneira para resolver isso é utilizando a migração de máquinas virtuais em tempo real, onde ocorre a migração de máquina virtual em execução juntamente com suas aplicações para outro servidor, restabelecendo, assim, o equilíbrio dos servidores. Este equilíbrio, chamado de balanceamento de carga, é uma das técnicas utilizadas pela tecnologia de migração em tempo real. Ou seja, a aplicação de migração de máquinas virtuais em tempo real tem se tornado a chave para a otimização de recursos computacionais. Assim, torna-se interessante o desenvolvimento de soluções que viabilizem a implantação desta tecnologia. Através de um ambiente virtualizado onde aplicações monitores verificam o estado de carga dos servidores é possível interagir com as máquinas virtuais realizando a migração para garantir a otimização e utilização dos recursos computacionais. Considerando isto, o presente trabalho apresenta uma arquitetura para migração de máquinas virtuais, a qual utiliza ontologias para a representação do conhecimento em um ambiente de virtualização. Para isto, foi desenvolvida, através do processo Ontology Development 101, uma ontologia, OntoLM, que representa um ambiente de virtualização de máquinas virtuais a qual propõe auxiliar a visualização do estado atual do ambiente. Para a arquitetura especificada neste trabalho foi delimitado componentes e seus respectivos fluxos de informações entre um componente e outro. Utiliza-se de ontologias como um de seus componentes. Para a exemplificação desta arquitetura foi desenvolvida uma ferramenta, OntoMig, em linguagem de programação JAVA, que permite executar e gerenciar as informações obtidas do monitoramento dos servidores, a população da ontologia e a migração de máquinas virtuais quando necessário.


Publicações Recentes