Ir para o conteúdo PPGCS Ir para o menu PPGCS Ir para a busca no site PPGCS Ir para o rodapé PPGCS
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

CONVITE: ATIVIDADES EM ALUSÃO AO DIA MUNDIAL DO SOLO



O PPG Ciência do Solo convida a comunidade acadêmica para participar das atividades em alusão ao Dia Mundial do Solo.

Na quarta-feira, dia 06/12, das 13:30 às 17:30, será realizado o Seminário Dia Mundial do Solo UFSM 2017, no Auditório Flávio Miguel Schneider, Centro de Ciências Rurais, Prédio 42. Neste seminário, os pós-doutorandos e pós-doutorandas do PPG Ciência do Solo apresentarão um panorama das pesquisas realizadas no último ano, apontando para os principais desenvolvimentos em suas áreas e perspectivas futuras. Veja abaixo os principais tópicos que serão apresentados e discutidos no evento.

Na quinta-feira, dia 07/12, das 08:00 às 12:00, será realizada a Oficina de Dados Abertos do Solo, na Sala Enio Tonini, Centro de Ciências Rurais, Prédio 43. A Oficina é baseada na experiência acumulada durante a construção e manutenção do Repositório Brasileiro Livre para Dados Abertos do Solo (febr, www.ufsm.br/febr), repositório este desenvolvido pela equipe coordenada pelos pesquisadores do PPG Ciência do Solo Dr. Alessandro Samuel-Rosa, Dr. Ricardo Simão Diniz Dalmolin e Dr. Paulo Ivonir Gubiani. Os participantes devem levar seus computadores pessoais para as atividades práticas e receberão certificado de participação.

Cartaz de divulgação

 

Programação do Seminário Dia Mundial do Solo (06/12)

 

14:00

Os fungos ectomicorrízicos e a nogueira pecã, uma parceria que funciona

Dr. Marcelo A. Sulzbacher e Dr. Rodrigo Jacques

  • O que são fungos ectomicorrízicos.

  • Panorama da produção de nogueira pecã no Brasil.

  • Quais os fungos micorrízicos ocorrentes em plantações de nogueiras no Rio Grande do Sul e o que podemos saber sobre esta associação.

  • Potencial e estratégias de produção de inóculo.

14:20

Uso de dejetos de animais em plantio direto: emissões de amônia e de gases de efeito estufa e estratégias de mitigação

Dra. Janquieli Schirmann, Dr. Stefen B. Pujol, Dr. Celso Aita e Dr. Sandro J. Giacomini

  • Panorama nacional de produção suína e bovina.

  • Uso de dejetos de suínos e bovinos em sistema plantio direto.

  • Emissões de amônia e óxido nitroso após aplicação de dejetos de suínos e bovinos no solo.

  • Estratégias de mitigação das emissões de NH3 e N2O após aplicação de dejetos de suínos e bovinos.

14:40

Simulação de sistemas agrícolas fertilizados com dejetos de animais

Dr. Douglas A. Weiler e Dr. Sandro J. Giacomini

  • Dejetos de animais como fonte de nutrientes versus potencial poluidor

  • Grande base de dados disponível

  • Variabilidade espacial e temporal das observações de campo

  • Modelos de predição como uma ferramenta de pesquisa

  • Predição dos impactos de cenários climáticos futuros nos sistemas agrícolas

16:00

Manejo do solo e da água para otimizar a performance do plantio direto no Sul do Brasil

Dr. Tiago de A. N. Hörbe e Dr. Jean P. G. Minella

  • Panorama sobre a simplificação da agricultura conservacionista, que se resume ao plantio direto, sem rotação de culturas e baixa adição de fitomassa.

  • Plantio direto é eficiente no controle do escoamento superficial?

  • É necessário o terraceamento mesmo em um plantio direto com rotação de culturas e elevada adição de fitomassa?

  • Pode o terraceamento no plantio direto otimizar o desempenho produtivo das culturas?

16:20

Compreensão e quantificação da erosão e produção de sedimentos na escala de bacia hidrográfica e seus processos associados

Dr. Elizeu J. Didoné e Dr. Jean P. G. Minella

  • Quantificar os processos de transferência de sedimentos associados à dinâmica hidrossedimentológica em diferentes escalas (encosta-rio).

  • Os processos de redistribuição e mobilização dos sedimentos erodidos ao longo de uma bacia hidrográfica.

  • Prognóstico das taxas de erosão e de deposição com o uso de radionuclídeos.

  • Avaliação da eficiência de modelos matemáticos para a descrição dos processos hidrológicos associado ao transporte de sedimentos.

16:40

Dados e meta-modelos para mapeamento digital do solo em larga escala

Dr. Alessandro Samuel-Rosa, Dr. Ricardo S. D. Dalmolin e Dr. Paulo I. Gubiani

  • Existem tantos modelos de mapeamento digital do solo quantos são os pedólogos

  • Modelos combinados sempre são superiores do que quando usados isolados

  • O volume existente de dados do solo é imenso, não para de crescer, e é subutilizado

  • Um repositório de dados foi criado para resgatar dados e alimentar modelos e pesquisas


Publicações Recentes