Ir para o conteúdo PPGEE Ir para o menu PPGEE Ir para a busca no site PPGEE Ir para o rodapé PPGEE
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

CAPES possibilita prorrogação de bolsas de mestrado e doutorado devido à pandemia do coronavírus



A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) possibilita a prorrogação por até três meses do prazo de vigência das bolsas de mestrado e doutorado no Brasil. A ação tem caráter excepcional e vai beneficiar bolsistas que estão com o andamento das pesquisas prejudicado devido à pandemia causada pelo coronavírus. As medidas estão na Portaria nº 55, publicada no dia 30 de abril de 2020, no Diário Oficial da União.

Para Benedito Aguiar, presidente da CAPES, apoiar os bolsistas é fundamental neste momento, seja os que atuam no exterior ou que desenvolvem suas atividades no País. “Essa medida é importante para assegurar a continuidade de pesquisas interrompidas que demandam atividades práticas, sejam de laboratório ou de campo”, afirma.

A prorrogação é direcionada às pós-graduações que cancelaram ou adiaram as atividades por não ser possível desenvolver as pesquisas de forma adequada a distância. Incluem-se neste caso as atividades laboratoriais e de campo, entre outras. Os cursos que estão com restrição de acesso a instalações necessárias para executar as atividades ou outros contratempos ligados à COVID-19 que dificultem as pesquisas de mestrandos e doutorandos da CAPES também podem estender o tempo das bolsas.

A medida é destinada a todos os bolsistas que estão com benefício ativo. As cotas das bolsas continuarão ocupadas durante o período de prorrogação e os programas de pós-graduação não podem substituir os bolsistas durante este intervalo. Não será possível estender o prazo para além da data de titulação do bolsista.

Texto: adaptado de CCS/CAPES.

 


Publicações Recentes