Ir para o conteúdo PPGEE Ir para o menu PPGEE Ir para a busca no site PPGEE Ir para o rodapé PPGEE
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo
Publicado: 18 julho 2007 - 14:24 | Última modificação: 18 junho 2019 - 14:43
Ouvir
I SEMINÁRIO SOBRE TECNOLOGIAS SUSTENTÁVEIS

TÉCNICO-CIENTÍFICOS

Auditório do Gulerpe (HUFSM) - Santa Maria

18/07/2007 13:30 - 18/07/2007 17:45

Descrição

13:45h – GRUPO ERGOTECS – ERGONOMIA E TECNOLOGIAS SUSTENTÁVEIS (UFSM/CNPq).

Palestrante
Arq. Lizandra Garcia Lupi Vergara, Dra.
Arquiteta e Urbanista com doutorado na área de Ergonomia pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Professora do Depto de Expressão Gráfica/CT da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Líder do Grupo de Pesquisa ERGOTECS (UFSM-CNPq).

Resumo
O grupo de pesquisa em Ergonomia e Tecnologias Sustentáveis – ERGOTECS (UFSM-CNPq) integra profissionais de diversas áreas do conhecimento a fim de oferecer, dentro do contexto de desenvolvimento de projetos sustentáveis, soluções apropriadas às necessidades locais e funcionais que garantam melhor ambientação do projeto – desempenho térmico, acústico, ambiental e de eficiência, integradas a tecnologias sustentáveis que atendam às necessidades do presente, sem comprometer as gerações futuras.

Download da palestra.

14:15h – SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA ENERGÉTICA – SEDE DA PETROBRÁS EM VITÓRIA

Palestrante
Arq. Alexandre Petroni (Petrobrás).
Arquiteto, formado pela UGF-RJ em 1979, com especialização em Automação Predial e Conforto Térmico. Funcionário da Petrobras há 33 anos, atualmente ocupando a Gerência de Projeto e Suprimento p/ a Sede Administrativa de Vitória-ES.

Resumo
Síntese das reuniões de 2007 do IPCC, um alerta para o futuro de nosso planeta. Parâmetros e diretrizes adotados para o projeto da Sede da Petrobrás em Vitória – Conclusões (lições aprendidas).

Download da palestra.

15:00h – REGULAMENTAÇÃO DE ETIQUETAGEM VOLUNTÁRIA DE NÍVEL DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA DE EDIFÍCIOS COMERCIAIS E PÚBLICOS

Palestrante
Eng. Solange Goulart, PHD (LabEEE – UFSC).
Engenheira Civil, concluiu o doutorado no programa Environment and Energy da Architectural Association School of Architecture (Inglaterra) em 2005. Atualmente é Pesquisadora da Universidade Federal de Santa Catarina. Publicou 13 trabalhos em anais de eventos. Possui 3 livros publicados. Possui participação em 1 software. Atua na área de Engenharia Civil, com ênfase em Eficiência Energética em Edificações em temas como: Dados climáticos, Eficiência energética, Bioclimatologia, Retrofit, edificações, conforto térmico, DesempenhoTérmico de Edificações, e Massa térmica.

Resumo
Nesta apresentação, inicialmente serão discutidas algumas iniciativas tomadas no Brasil nos últimos anos a fim de limitar e controlar o consumo de energia em edificações. Será mostrada, então, a regulamentação com os requisitos técnicos necessários para a classificação do nível de eficiência energética de edifícios, visando a etiquetagem voluntária, com foco na eficiência energética para edificações comerciais e públicas, desenvolvida pelo LabEEE para a Eletrobrás no âmbito do programa Procel EDIFICA. A regulamentação inclui três requisitos principais: eficiência e potência instalada do sistema de iluminação, eficiência do sistema de condicionamento do ar e o desempenho térmico da envoltória do edifício.

Download da palestra.

16:00h – CORTINAS E FORROS – ADEQUANDO-SE AO GRENN BUILDING

Palestrante
Fabricio Zanotto (Luxaflex – Hunter Douglas).
Designer gráfico, supervisor negócios corporativos no Rio Grande do Sul da Empresa Montasul (Luxaflex – Hunter Douglas).

Resumo
Hunter Douglas traz ao Brasil as novidades em cortinas, na divisão Luxaflex, e forros. Lançamentos em materiais recicláveis alinhados ao conceito de Arquitetura Sustentável, com excelente contribuição na redução de consumo de energia elétrica. Estes produtos contribuem com alta performance em conforto térmico, acústico e visual.

Download da palestra 1.

Download da palestra 2.

16:15h – Políticas de Produção mais Limpa e Consumo Sustentável – Desafios para o RS 

Palestrante
Quim. Ana Maria Scazzola Cruzat (SEMA).
Química pela UFRGS, especialista em Gerenciamento Ambiental pela ULBRA. Desde 2006 atua na Assessoria Técnica da Secretaria Estadual de Meio Ambiente do RS. Responsável Técnica pela implantação do Fórum Gaúcho de Produção mais Limpa e do Fórum Gaúcho de Mudanças Climáticas, acumulando as funções de Secretária Executiva destes Fóruns. Membro da Câmara Técnica Permanente de Recursos Atmosféricos e Poluição Veicular – CONSEMA/RS. Membro do Grupo Técnico Integrado para a Vigilância dos Eventos Ambientais Adversos à Saúde do CEVS/SES. De 1994 a 2005 prestou serviços à FEPAM como Assessora Técnica, atuando na elaboração de diagnósticos ambientais, no licenciamento industrial e na equipe técnica responsável pela implantação e operação da Rede de Monitoramento Automático de Qualidade do Ar / AR DO SUL. Em 2007 participou da Mesa Redonda Nacional sobre Produção e Consumo Sustentável/PCS, como membro do Grupo Técnico Colaborador para avançar no Plano de Implementação de Marrakesh vinculado à Declaração de Joanesburgo, Sessão VII: Prioridades Brasileiras para CPS – MMA/ PNUMA/ UNIDO.

Resumo
Entre as estratégias para promoção do desenvolvimento sustentável, experiências mundiais têm comprovado a eficácia das ações de Produção mais Limpa e Consumo Sustentável, quando inseridas nas políticas públicas, planejamentos setoriais, empresariais e no dia a dia da sociedade. A adoção de um modelo de desenvolvimento sócio-econômico que promova a reversão da crise social, tradicionalmente existente, sem comprometer os recursos naturais disponíveis representa um dos principais desafios a serem enfrentados por nossos governantes. A Conferência do Rio de 1992 foi convocada a partir do reconhecimento de que os padrões de produção e consumo, principalmente nos países desenvolvidos, haviam alcançado níveis insustentáveis, colocando em risco a estabilidade de diversos bens e serviços ambientais que garantem tanto a continuidade das atividades produtivas como a própria qualidade de vida. A responsabilidade não é só política e empresarial, mas também depende da postura de cada um de nós diante do que está ocorrendo. Ação e informação farão a diferença para reverter o quadro, proteger nossas vidas e das futuras gerações. Nesta apresentação serão abordados os avanços obtidos em direção a CPS, desde 2002 quando as Nações Unidas atribuíram prioridade máxima a este problema, promovendo a reunião da Cúpula Mundial sobre Desenvolvimento Sustentável em Johannesburgo, destacando as principais iniciativas em Produção mais Limpa e Consumo Sustentável, as dificuldades existentes e propostas para melhoria.

Download da palestra.

17:00h – CASA EFICIENTE – VITRINE DE CONCEITOS E TECNOLOGIA & LABORATÓRIO DE PESQUISA

Palestrante
Arq. Juliana Oliveira, M Sc. (Eletrosul / LabEEE-UFSC).
Arquiteta e Urbanista formada pela Universidade Federal de Alagoas (2004), mestre em Arquitetura e Urbanismo pelo PósArq (Programa de Pós Graduação em Arquitetura e Urbanismo), da Universidade Federal de Santa Catarina (2006). Atualmente é gerente do LMBEE – Laboratório de Monitoramento Bioclim ático e Eficiência Energética, responsável pelo desenvolvimento de pesquisas cientí ficas na Casa Eficiente (ELETROSUL / ELETROBRÁS / PROCEL / LabEEE-UFSC).

Resumo
A Casa Eficiente é uma edificação residencial que funciona como ambiente de demonstra ção de soluções tecnológicas incorporadas ao projeto arquitetônico, definidas com base em princípios de adequação ambiental, eficiência energética e uso racional da água. O projeto é resultado de uma parceria firmada entre ELETROSUL/ELETROBRÁ S/PROCEL e o LabEEE (Laboratório de Eficiência Energética em Edificações) da UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina). A edificação é também a sede do LMBEE – Laboratório de Monitoramento Bioclimático e Eficiência Energética, responsável pelo desenvolvimento de pesquisas científicas destinadas à avaliação do desempenho das estratégias incorporadas ao projeto. A apresentação abordará as principais estraté gias e conceitos implementados na Casa Eficiente e as atividades de pesquisa desenvolvidas atualmente pelo LMBEE.

Download da palestra.

17:45h – AGÊNCIA GRANJA VIANA: A VISÃO DO BANCO REAL E A MATERIALIZAÇÃO DA 1ª CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL CERTIFICADA NA AMÉRICA DO SUL

Palestrante
Arquiteto Roberto Oranje (Banco ABN AMRO REAL).
Arquiteto formado pela FAUUSP, trabalha desde 2001 no Banco ABN AMRO REAL, atuando na coordenação de projetos e elaboração de padrões. Coordenou o projeto da agência Granja Viana, abordando os aspectos de sustentabilidade e certificação da obra.

Resumo
Visão do Banco ABN AMRO REAL sobre sustentabilidade – histórico, abordagem da construção sustentável e padrões de identidade visual do   Banco. Conceitos de construção sustentável aplicados na agência Granja Viana, certificação da agência: projeto, obra e operação. Próximos passos e desafios.

Download da palestra.

Inscrição

OBS: A inscrição somente será efetivada após confirmação do pagamento. O mesmo deve ser feito por depósito identificado e o comprovante enviado por fax ou e-mail

DADOS PARA EFETUAR O PAGAMENTO

  • Estudante : R$ 10,00 / Profissional : R$ 30,00
  • Banco do Brasil
  • Agência – 1484-2
  • Conta Corrente – 14140-2
  • Identificador de CNPJ ou CPF
Contato

Localização

Auditório do Gulerpe (HUFSM)

Av. Roraima - 1000 - Camobi

Santa Maria - Rio Grande do Sul