Ir para o conteúdo PPGQ Ir para o menu PPGQ Ir para a busca no site PPGQ Ir para o rodapé PPGQ
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Seminários Mestrado 2022

Título:Grindstone chemistry: A “green” approach for the synthesis and derivatization of heterocycles.

Apresentação: dia 02/abril/ 2022 das 13:30 h às 15:30 h na sala 2026 do prédio 18.

Resumo: Esta apresentação almeja demonstrar a aplicação e vantagens da técnica de moagem em síntese orgânica de composto heterociclos com exemplos extraídos da literatura. A energia mecânica denominada “mecanoquímica” uma técnica alternativa sem uso de solventes para reações na qual utiliza como ferramenta básica a moagem por almofariz e pistilo, ganha destaque na síntese/derivatização de heterociclos e na química verde e seus princípios, pois além de diminuir a produção de resíduos, possui eficiência de energia e tempo, alta economia de átomos, utiliza solventes auxiliares mais seguros e contribui com a prevenção da poluição.

ARTIGO: Current state and future perspectives of supercritical fluid chromatography

AUTORES: Le Si-Hung, Takeshi Bamba

A cromatografia de fluido supercrítico é uma técnica de separação, que utiliza como fase móvel um fluido em estado supercrítico. Permitindo o acoplamento com várias técnicas, como RMN, ICP-MS e outras. Inicialmente alguns desafios no acoplamento das técnicas tiveram que ser superados devido as condições específicas de pressão e temperatura do fluido supercrítico. Atualmente muitos trabalhos aplicando a técnica são realizados e ganham destaque por sua eficiência na separação e permitir o desenvolvimento de métodos mais verdes.

Título: IMAGENS POR ESPECTROMETRIA DE MASSA EM ESTUDOS DE DISTRIBUIÇÃO DE DROGAS E METABOLISMO DAS DROGAS- PRINCÍPIOS, APLICAÇÕES E PERSPECTIVAS.

Apresentadora: Mariangela Bruch dos Santos

Data, hora e local: 20 de junho de 2022, ás 13:30 e prédio 18, sala 2026.

RESUMO

         Para a pesquisa e desenvolvimento farmacêutico é necessário a compreensão do metabolismo e drogas acumuladas no organismo, sendo importante acompanhar o transporte e transformação de fármacos em estudos pré-clínicos. A técnica MSI é muito versátil, nela é possível visualizar moléculas bidimensionais, compostos endógenos, drogas, lipídios, proteínas, peptídeos, sistema de liberação de drogas em tecido biológicos, entre outros. A grande vantagem do MSI é uma alta seletividade, sensibilidade, sendo livre de marcadores, permitindo imagens simultâneas e específicas de compostos de drogas e metabolismo.