Ir para o conteúdo UFSM Ir para o menu UFSM Ir para a busca no portal Ir para o rodapé UFSM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo
Publicado: 25 agosto 2010 - 09:33 | Última modificação: 25 junho 2019 - 12:22
Ouvir
42º SIMPÓSIO BRASILEIRO DE PESQUISA OPERACIONAL

TÉCNICO-CIENTÍFICOS

Auditório - Bento Gonçalves

30/08/2010 00:00 - 03/09/2010 00:00

Notícias do Evento 42o-simposio-brasileiro-de-pesquisa-operacional

Descrição

ARTIGOS SELECIONADOS PARA O 42º SBPO. CONFIRA!
Confira aqui os artigos completos aceitos para o 42º Simpósio Brasileiro de Pesquisa Operacional 

Acessando o endereço http://www.xliisbpo.iltc.br, você terá disponivel os anais do 42º SBPO.

Até o final de setembro, a Comissão Organizadora, disponibilizará na página do 42º SBPO, o certificado para os participantes.

Conferências

Confira o tema da conferência de David Applegate

Using large-scale computation to estimate the Beardwood-Halton-Hammersley TSP constant

In 1959, J. Beardwood, J. H. Halton, and J. M. Hammersley proved that the expected length L_n of the Traveling Salesman tour through n points uniformly distributed in the unit square is assymptotic to \Beta sqrt(n) as n goes to infinity, for some constant \Beta. However, their theorem didn’t give the value of \Beta, only that it existed. They also gave a rough estimate that \Beta was about 0.75. Since then, there have been a number of attempts to derive better estimates of \Beta. I will discuss some recent large-scale computatoins using Concorde, our TSP solver, to obtain a new estimate of \Beta, as well as some experiments aimed at determining what properties of the TSP and of the unit square have the largest impact on the convergence to \Beta sqrt(n). This is joint work with William Cook, David S. Johnson, and Neil J. A. Sloane.

 Confira o tema da Conferência de Stewart Robinson

Modelagem de Serviço de Operações: Uma abordagem de Simulação de evento-discreto e Agente Base.

Stewart Robinson, Operational Research and Management Sciences Group, Warwick Business School, University of Warwick, Coventry, CV4 7AL, United Kingdom

Simulação de evento-discreto, o qual se perdeu com o modelo de sistemas de manufaturas, tem sido crescentemente aplicado no setor de serviços. A abordagem, entretanto, nem sempre é apropriada ao modelo de operação de serviços. Em particular, não pode ajudar com decisões detalhadas sobre o layout dos serviços operacionais nos quais os clientes estão presentes, bem como varejos e aeroportos. A abordagem de simulação de evento-discreto e agente-base é proposta para modelagem enquanto sistemas. A abordagem deverá ser feita através do simples modelo de uma cafeteria. Extensões da Abordagem também serão discutidas.

Biografia

Stewart Robinson é Professor de Pesquisa Operacional e Diretor Associado no Specialist Masters Programmes na Warwick Business School. Anteriormente empregado na consultoria de simulações, apoiou o uso da simulação em companhias na Europa e no resto do mundo. É autor e co-autor de quatro livros da área. Suas pesquisas focam na prática de desenvolvimento e uso do modelo de simulação. Áreas-chave de interesse são modelagem conceitual, validação de modelos, análise de rendimento e modelos alternativos de simulação (evento-discreto, sistemas dinâmicos e agente base. Também é co-editor do Journal of Simulation e Vice-Presidente da Sociedade de Pesquisa Operacional do Reino Unido.

 Confira o tema da Conferência de Arne Lokketangen

Rich Vehicle Routing Problems – some examples

Abstract

This presentation will look at some recent rich (real-world based) vehicle routing problems that the author has worked on. These all are based on the standard CVRP, but with the addition of some (real-world) constraints, making classical solution methods unsuitable. Our set of examples contains sequence dependent loading capacity, routing with inventory constraints, a stochastic routing problem where some historic data are available to be used as predictors, dynamic routing requests and a novel approach for the dynamic online case where the search quality is dependent on the current problem request frequency.
All the examples are based on real-world problems, and are generally solved using real-world data. The solution methods are mostly based on tabu search, but usually with some extra refinements.
We also would like to emphasize that the additional effort needed to solve these types of problems is readily compensated by the resulting quality and usefulness of the generated solutions.

 Confira o tema da Conferência de Michel Gendreau

Recent Advances in Stochastic Vehicle Routing

Michel Gendreau
MAGI and CIRRELT
École Polytechnique de Montréal

While Vehicle Routing Problems have now been studied extensively for more than 50 years, those in which some parameters are uncertain at the time where the routes are made have received significantly less attention, in spite of the fact that there are many real-life settings where key parameters are not known with certainty. In this talk, after a short introduction to the various classes of Stochastic Vehicle Routing Problems and a brief survey of existing work in the area, we will focus on two problems on which we are currently working: the Vehicle Routing Problem with Stochastic Demands (VRPSD) and the Consistent Vehicle Routing Problem (CVRP).

The VRPSD consists in finding tours for a fleet of capacitated vehicles delivering goods to a set of customers with stochastic demands. A key feature of the problem is that the cumulative demand of the customers assigned to a vehicle may turn out to exceed its capacity, a situation defined as a route failure. The traditional approach to deal with failures is to send the involved vehicle back to the depot to replenish its stock whenever a failure is detected. These trips back to the depot increase the length of the routes effectively performed by the vehicles. The objective in the VRPSD is to find the set of routes that yields the lowest expected total cost when these trips to the depot are considered. We will present a new exact algorithm for the VPRSD, based on the Integer L-shaped method and new families of valid inequalities. Computational results on a set of small to medium benchmark instances will be reported and discussed.

The Consistent Vehicle Routing Problem (CVRP) is a problem that was recently proposed by Bruce Golden and his coauthors. The situation considered is that of express mail delivery companies, such as UPS, who would like to provide their regular commercial customers with consistent service, in the sense that they would like to visit them every day around the same time, if they need service. We propose to model this problem as variant of the Vehicle Routing Problem with Stochastic Customers (VRPSC), in which one must decide both the sequence in which customers will be visited by each vehicle and a target time for each visit. For each visited customer on a given day, consistency is measured as a deviation from its target time. The overall objective is to minimize the sum of expected travel costs and deviations. An exact solution approach will be described and preliminary computational results on small instances will be presented.

(Joint work with Walter Rei, Ola Gabali and Tom Van Woensel).

 Confira o tema da Conferência de Gilbert Laporte

The Vehicle Routing Problem

by
Gilbert Laporte
Canada Research Chair in Distribution Management
HEC montreal, Canada

The Vehicle Routing Problem is central to distribution management. This problem has attracted the attention of operations researchers for more than fifty years, but remains very difficult to solve to optimality. In this talk, I will survey the evolution of the main exact and metaheuristic algorithms for this important problem. Comparative computational results will be reported.

Minucurso

Confira os Minicursos que acontecerão durante o 42º SBPO no Hotel Dall’Onder:

 Confira o tema do Minicurso de Hector Cancela (Universidad de la Republica)

Bounded relative error and Vanishing relative error in Monte Carlo evaluation of static Network Reliability measures

Abstract

For a given network topology, reliability measures compute the probability that the terminal nodes of the network are connected. Most network reliability measures belong to the #P complexity class, so that there are no known polynomial algorithms for their computation. Monte Carlo methods are a widely used alternative, as they allow to obtain estimated values for network reliability measures with a limited computational effort. Nevertheless, in the case of extremely reliable networks, the standard Monte Carlo approach encounters difficulties, as the occurrence of network failures is a rare event which will only appear very infrequently, making it difficult to estimate its probability. In this tutorial, we discuss recent approaches to Monte Carlo network reliability evaluation, which allow to improve the estimation precision, while demanding a reasonable computational effort. In particular, we will present the Bounded Relative Error (BRE) and the Vanishing Relative Error (VRE) properties. Afterwards, we will look at some families of Monte Carlo methods (like the recursive variance reduction methods, and the importance sampling methods), and how in some cases they can guarantee BRE or even VRE estimations, leading to good efficiency in the estimation.

 Confira o tema do Minicurso de Lilian Markenzon (UFRJ); Clícia Valladates (UERJ); Abel Rodolfo Garcia Lozano (UERJ) e Christina Waga (UERJ)

Algoritmos Polinomiais para Colorações Ótimas em Algumas Famílias de Grafos

Abstract

O minicurso trata o problema de coloração, que é clássico em Teoria de Grafos, e computacionalmente difícil. Ao longo do texto, são vistas colorações de vértices, de arestas, coloração total e coloração equilibrada de vértices. Para cada uma, são apresentados os seguintes tópicos: definição, principais resultados e uma família específica de grafos, para a qual é exibido um algoritmo exato polinomial que determina uma solução do problema tratado.

 Confira o tema do Minicurso de Gastão Gomes (UFRJ): João Ismael Pinheiro (DME-IM-UFRJ); Sonia Cunha (UFRJ); Santiago Ramirez Carvajal (UFRJ)

O Software R como Instrumento de Ensino em Estatística Básica

Abstract

The objective of this mini-course is to describe some basic statistics methods and to show how the software R can be used to obtain information from a data base in an elementary Statistics course. KEYWORDS: Software R, Exploratory Analysis, Statistical Inferece Resumo O objetivo deste mini-curso é descrever alguns métodos estatísticos e mostrar no programa R como eles são usados para se obter informação de uma massa de dados em um curso de Estatística Básica. PALAVRAS CHAVE: Pacote R, Análise Exploratória, Inferência Estatística

 Confira o tema do Minicurso de Reinaldo Souza (PUC-Rio), André Luís Marcatto (UFJF); Bruno Dias (PUC-Rio) e Ivo Silva Junior (UFJF)

Pesquisa Operacional e o Planejamento de Sistemas Energéticos

Abstract

Este curso visa mostrar as aplicações de Pesquisa Operacional no Planejamento de Sistemas Energéticos. Será feita uma introdução ao problema do planejamento energético, sendo apresentado um breve histórico do planejamento energético do setor elétrico brasileiro. Serão mostradas as principais técnicas utilizadas nos diversos horizontes do problema, com especial ênfase para o planejamento da operação de médio prazo. A seguir, serão levantados alguns problemas atuais do planejamento de médio e longo prazo, juntamente com alguns questionamentos sobre o impacto da incorporação de novas fontes de energia ao problema.

Conferencistas

Conheça os conferencistas que estarão em Bento Gonçalves/RS de 30 de agosto a 03 de setembro, durante o 42º SBPO (informações sujeitas a alterações).

Arne Lokketangen, conferencista confirmado para o 42º SBPO em Bento Gonçalves/RS.

Ph. D. em Informática, professor da Molde University, na Noruega, onde lidera o Grupo de Planejamento, Otimização e Apoio à Decisão.

David Applegate, conferencista confirmado para o 42º SBPO em Bento Gonçalves/RS.

Pesquisador da AT&T Labs – Research, ganhador do Lancaster Award para a melhor publicação em Pesquisa Operacional pelo livro The Traveling Salesman Problem: A Computational Study.

Ivan Santelices Malfatti, conferencista confirmado para o 42º SBPO em Bento Gonçalves/RS.

Professor da Universidade de Bio-Bio no Chile, Doutor em Engenharia de Organização e Logística pela Universidad Politecnica de Madrid. España.

Gilbert Laporte, conferencista confirmado para o 42º SBPO em Bento Gonçalves/RS.

– Ph.D. em Pesquisa Operacional na London School os Economics (1975)
– Professor de Pesquisa Operacional na HEC Montreal
– Canadá Research Chair em Gestão de Districuição
– Professor Adjunto da Molde University College
– Professor Adjunto da University of Bilkent
– Professor Adjunto da University of Alberta
– Professor Adjunto da Université Laval
– Professor Visitante na University of Southampton
– Membro do Centro Interuniversitário de Pesquisa em Redes Corporativas, Logística e Transporte (CIRRELT) [Interuniversity Research Centre of Enterprise Networks, Logistics and Transportation]
– Membro fundador do Grupo de Estudo e Pesquisa em Análise de Decisão (GERAD) [Groupe d’études et recherche em analysis des décisions]

– Membro da Royal Society of Canada desde 1998
– Autor e co-autor de 15 livros, mais de 350 artigos científicos em otimização combinatória, principalmente nas áreas de roteamento de veículos, localização e horários
– Fellow da INFORMS desde 2005
– 42º Membro Honorário da INFORMS International Omega Rho Society

Prêmios:
– Prêmio de Pergamon [Pergamon Prize]. (Reino Unido, 1987)
– Mérito 1994 da Canadian Operational Research Society
– Duas vezes vencedor do CORS Practice Prize
– Prêmio Jacques-Rousseau de Interdisciplinaridade (1999)
– Medalha do Presidente da Sociedade de Pesquisa Operacional (Reino Unido, 1999)
– Prêmio Pedagogia na HEC Montreal (Canadá, 2001)
– Medalha Innis-Genin da Royal Society of Canada (Canadá, 2007)
– Prêmio Gerard-Pariseau (2009)
– Prêmio Robert Herman Lifetime of Transportation Science and Logistics Society of INFORMS

Stewart Robinson, confirmado para o evento que se realiza de 30 de agosto a 03 de setembro.

– Diretor Associado para Specialist Masters na Warwick Business School

– Vice-Presidente da Sociedade de Pesquisa Operacional

– Co-presidente da Operational Research Society Simulation Workshop, uma conferência bienal

– Co-editor da Revista Acadêmica de Simulação [Journal of Simulation]

– Membro do EPSRC Peer Review College

– Membro do Conselho da INFORMS Simulation Society

Anteriormente, Consultor Sênior para AT&T Istel (agora Lanner Group) na modelagem de situação e palestrante sobre gestão de operações na Aston Business School, Birmingham. Tem trabalhado com organizações como Ford, British Airways, Sellafield LTD., BT, BP, etc.

Investiga a prática da modelagem de situação; discretas simulações; dinâmicas de sistema baseadas em agentes de modelagem; análise da produção de simulação, validação do modelo; a qualidade das intervenções de pesquisa operacional; simulação e interação humana; simulação de modelagem conceitual. Possui mais de 120 publicações em suas áreas de investigação.

Michel Gendreau, pesquisador Canadense confirmou presença no 42º Simpósio Brasileiro de Pesquisa Operacional.

– Professor no Departamento de Informática e de Pesquisa Operacional na Universidade de Montreal

– Ph.D. em Informática, Universidade de Montreal, 1984

– M.Sc. [em/de] Informática, Universidade de Montreal, 1977

– B.Com., Universidade McGill, 1975

[texto adaptado de seu website]

Interesses de Investigação:

Operações de investigação, transportes, telecomunicações, metaheurísticas, sistemas de transporte inteligentes

Seu trabalho focaliza a aplicação das técnicas de operações de investigação dos problemas de planejamento de redes de transportes e telecomunicações. Uma área-chave da investigação é o desenvolvimento de metaheurísticas eficazes para obter soluções precisas para vários problemas difíceis: fazer roteamento de veículos, a síntese das redes de transporte ou local de instalações de telecomunicações, etc.

Como co-diretor do Laboratório de Sistemas Inteligentes de Transportes Núcleo de Estudos em Transportes, também está interessado em questões específicas de gestão dos sistemas de trânsito em tempo real, incluindo aqueles que representam as dimensões ou a dinâmica estocástica.

Nélio Pizzolato

[texto retirado do currículo lattes]

Possui graduação em Engenharia Industrial Mecânica pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1963), bolsista do governo da Suiça na ETH de Zurique (1966), mestrado em Engenharia de Produção pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1971), doutorado em Business School – University of North Carolina (1977) e pós-doutorado na Université de Montréal (1987).

Atualmente é professor associado da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e associado titular da Sociedade Brasileira de Pesquisa Operacional. Membro do corpo editorial dos periódicos Gestão e Produção (UFSCar), Pesquisa Operacional, Tecnologia: Metalurgia e Materiais, Review of Management and Economical Engineering, Romênia, International Editorial Board, Revista Gestão Industrial (CEFET/PR) e eventual avaliador de artigos para Omega (Oxford), International Transactions in Operational Research, European Journal of Operational Research dentre outros e avaliador de artigos para congressos: SBPO; ENEGEP; SIMPOI, SIMP EP, CNEG, SPOLM etc.

Tem experiência na área de Engenharia de Produção, com ênfase em Pesquisa Operacional, atuando principalmente nos seguintes temas: logística, localização, construção civil, planejamento e sequenciamento da produção, pesquisa operacional e custos industriais.

Material Conferência

 Gilbert Laporte

 Nélio Pizzolato

 Arne Løkketangen

 David Applegate (AT&T Labs – Research), William Cook (Georgia Tech), David S. Johnson (AT&T Labs – Research) e Neil J. A. Sloane (AT&T Labs – Research)

 Michel Gendreau

Áreas de interesse

– Apoio a decisão Multicritério (MC)
– DEA (Análise e Envoltória de Dados) (DEA)
– Estatística (EST)
– Metaheuristicas (MH)
– Logística & Transportes (L&T)
– Programação Matemática (PM)
– Otimização Combinatória (OC)
– Simulação (SIM)
– Teoria e Algoritmos em Grafos (TAG)
– PO na área de Energia Elétrica (EE)
– PO na área de Petróleo & Gás (P&G)
– PO na agricultura e Meio Ambiente (AG)
– PO na Indústria (IND)
– PO na Educação (EDU)
– PO na Administração & Gestão da Produção (AD)
– PO em Economia & Finanças (EF)
– PO na área de Saúde (SA)
– PO em Telecomunicações e Sistemas de Informações (TI)
– Outras aplicações em PO (OA)

Investimento

Até 31/07
Após 31/07
Sócio titular
R$200,00
R$250,00
Sócio estudante
R$ 90,00
R$120,00
Não sócio
R$350,00
R$450,00

OBS1.: A submissão da candidatura de sócio-estudante precisa ser endossada por um sócio titular.

OBS2.: Para efeitos de inscrição, os sócios da ABE, APDIO e EPIO são considerados sócios da SOBRAPO.

Informações

 Cartaz SBPO
 Folder (interior)
 Folder (exterior)

Confira aqui as recomendações para submissão de artigos científicos, minicursos e sessões dirigidas.

Acesse o link https://submissoes.sbc.org.br/xlii_sbpo e inscreva-se!

A agência de turismo oficial do 42º Simpósio Brasileiro de Pesquisa Operacional já foi definida: a Fellini Turismo é a responsável pelas acomodações dos congressistas em Bento Gonçalves. Informações como hospedagem, translado do aeroporto de Porto Alegre a Bento Gonçalves e pacotes aéreos poderão ser obtidas clicando aqui. Agende-se!

Minicursos (MC)
As propostas de minicursos devem indicar o tema do minicurso e o nível de formação desejado da audiência, com um resumo contendo os principais tópicos a serem abordados, prevendo uma carga horária de 4 horas de aula. As propostas devem ser submetidas, pelo sistema JEMS, até 21/05/2010. Os autores devem ser doutores. O texto completo dos minicursos selecionados deve ser entregue até 10/08/2010.

Sessões Dirigidas (SD)
Além das Sessões Técnicas tradicionais, envolvendo todos os temas de interesse, será aberto espaço para Sessões Dirigidas (SD) às áreas de aplicação da Pesquisa Operacional. Os proponentes das SD deverão submeter suas propostas pelo JEMS até 21/05/2010, informando o tema da seção e a relação dos expositores. Uma vez aceita a SD, cada expositor deverá submeter o resumo do seu trabalho até 30/06/2010.

Pôsteres
Trabalhos ainda sem o texto completo poderão ser apresentados nas Sessões Pôster. Um resumo do Pôster deve ser submetido até 30/6/2010.

Limite de submissões
Cada autor poderá estar presente em no máximo 3 (três) trabalhos, incluindo trabalhos completos (ST e SD) e pôsteres.

Idiomas dos trabalhos
Os trabalhos podem ser escritos em português, inglês ou espanhol.

Prêmio Internacional
A SOBRAPO está oferecendo, novamente, prêmio no valor de US$1.000,00 (mil dólares) para o melhor trabalho apresentado. Para concorrer ao Prêmio é suficiente submeter o texto em inglês obedecendo às normas de formatação do Simpósio e apresentá-lo no Simpósio.

Relatórios de Iniciação Científica (PIC)
A SOBRAPO concederá, também, mais uma vez um prêmio ao melhor trabalho de iniciação científica. Os candidatos devem ser alunos matriculados em curso de graduação durante 2009. Deverão submeter, até 21 de maio pelo sistema JEMS, um relatório de, no máximo, 8 páginas, destacando a participação do aluno em atividade de pesquisa. O texto deve obedecer às normas de formatação dos trabalhos completos e informar, a seguir aos nomes dos alunos, os nomes dos seus professores orientadores. Relatórios selecionados para concorrer ao PIC serão apresentados em Sessão Especial do Simpósio e um autor de cada trabalho selecionado receberá apoio financeiro para comparecer ao Simpósio. Este ano, os candidatos ao PIC estarão concorrendo também a uma bolsa para assistir os cursos na XV ELAVIO em Pacoti-CE de 2 a 6/8/2010.

Transporte e Hospedagem

O 42º SBPO, em 2010, acontecerá nas dependências do Dall´Onder Grande Hotel. Entre os dias 30 de agosto e 03 de setembro, os congressitas poderão conferir uma ampla programação científica aconchegantemente instalados num dos melhores hotéis da rede hoteleira do sul do Brasil.

Para participar do evento e conferir o que há de melhor na serra gaúcha, o congressita deverá contatar a agência de viagens oficial do evento. Através da FELLINI Turismo é possível realizar reserva de hotel, passagens aéreas e translados. Confira!

ROTA DA UVA E DO VINHO 
A região da serra gaúcha é formada por morros, colinas, vales e rios que constituem um ambiente com inúmeras opções, atividades e lugares de visitação. O cultivo da videira está presente em dezesseis dos vinte e oito municípios que compõem a Rota Turística. São mais de oitenta opções de vinícolas, das familiares às empresas tradicionais da Região. Clique e confira algumas sugestões de passeios pela região da uva e do vinho.

OS ENCANTOS DE GRAMADO E CANELA
Essa região apresenta temperaturas muito baixas nos meses de julho, agosto e setembro, período de constantes nevoeiros e geadas. Além das belezas naturais, Gramado e Canela encantam os visitantes com as fábricas de chocolate artesanais, com a requintada gastronomia e com a hospitalidade da cidade mais européia do Rio Grande do Sul. Visite-a. Acesse o site e confira as atrações turísticas.

http://gramadosite.com.br/passeios 
http://www.canelaturismo.com.br/roteiros-e-atrativos/ 

TURISMO
A Fellini Turismo é a agência de viagens oficial do 42º SBPO e possui várias opções de hospedagem para o evento. O Hotel Oficial será o Dall’Onder Grande Hotel. Acesse o site e garanta já sua vaga! Consulte também os passeios opcionais e traga sua família para conhecer esta linda região.

Organização

Comitê de Programa – XLII SBPO – 2010 – Bento Gonçalves

1. Simone de Lima Martins (UFF) (Coordenadora)
2. Luiz Satoru Ochi (UFF) (Coordenador)
3. Adiel de Almeida (UFPE)
4. Alexandre S Cunha (UFMG)
5. Andres Medaglia (COLOMBIA)
6. Anníbal Parracho Santana (UFF)
7. Armando Zeferino Milioni (ITA)
8. Artur Alves Pessoa (UFF)
9. Celso Carneiro Ribeiro (UFF)
10. Cid Souza (UNICAMP)
11. Claudia Justel (IME-RJ)
12. Cristiano Cavalcante (UFPE)
13. Eduardo Uchoa (UFF)
14. Fernando Augusto Marins (UNESP)
15. Flavio Fogliatto (UFRGS)
16. Franklina Toledo (USP)
17. Gutemberg Hespanha Brasil (UFES)
18. Hector Cancela (URUGUAI)
19. Hugo Yoshizaki (USP)
20. Irene Loiseau (ARGENTINA)
21. Javier Marenco (ARGENTINA)
22. João Carlos Soares de Mello (UFF)
23. José Arnaldo Montevechi (UNIFEI)
24. José Mário Martinez (UNICAMP)
25. Juan Carlos Leyva López (MÉXICO)
26. Laura Bahiense (UFRJ)
27. Lilian Markenzon (UFRJ)
28. Lorena Pradenas (CHILE)
29. Luciana Salete Buriol (UFGRS)
30. Lucídio Cabral (UFPB)
31. Luis Felipe Lopes (UFSM)
32. Luis Lorena (LAC-INPE)
33. Luiz Guilherme Barbosa Marzano (CEPEL)
34. Manoel Campelo (UFC)
35. Márcia Fampa (UFRJ)
36. Marcone J F Souza (UFOP)
37. Marco Aurélio Lavrador (USP-RP)
38. Marcos Negreiros Gomes (UEC)
39. Marcos Poggi (PUC-RIO)
40. Maria Claudia Boeres (UFES)
41. Maria Cristina Rangel (UFES)
42. Mauricio Souza (UFMG)
43. Nélio Pizzolato (PUC-RIO)
44. Nelson Maculan (UFRJ)
45. Paulo O Boaventura Netto (UFRJ)
46. Ricardo Correa (UFC)
47. Rosa Delgadillo (PERU)
48. Silvio Hamacher (PUC-RIO)
49. Socorro Rangel (UNESP)
50. Sulamita Klein (UFRJ)
51. Valter de Senna (FIEB/SENAI )
52. Victor Parada (CHILE)
53. Virgilio Ferreira (UFRJ)

Comitê Cientifico 2010:

1. Luiz Satoru Ochi (UFF) (Presidente)
2. Adiel Teixeira de Almeida (UFPE)
3. Annibal Parracho (UFF)
4. Felipe Martins Muller (UFSM)
5. Fernando Augusto Silva Marins (UNESP)
6. Geraldo Robson Mateus (UFMG)
7. Henrique Pacca Loureiro Luna (UFAL)
8. Horacio Hideki Yanasse (INPE)
9. João Carlos Namorado Clímaco (PORTUGAL)
10. José Arnaldo Barra Montevechi (UNIFEI)
11. Mauricio Guilherme de Carvalho Resende (USA)
12. Nélio Domingues Pizzolato (PUC-RIO)
13. Reinaldo Morábito (UFSCar)
14. Virgilio Jose Martins Ferreira Filho (UFRJ)

Comitê Organizador Local

Felipe Martins Müller
Luis Felipe Dias Lopes
Luciana Salete Buriol
Vinicius Jacques Garcia
Marcos Cordeiro D’Ornellas
Joâo Helvio Righi de Oliveira
Leoni Pentiado Godoy
Denis Rabenschlag
Rosemaira Copetti
Elisangela Mortari
Juliana Petermann
Acad. Publicidade e Propaganda Filipe Bordinhão
Acad. Publicidade e Propaganda Gabriel Soares
Acad. Publicidadade e Propaganda Eduardo Ornes
Acad. Desenho Industrial André Corrêa
Acad. Relações Públicas Marine Freudan

Programação

Baixe a programação do 42º SBPO: Programação 42º SBPO

Inscrição

Para apresentar qualquer tipo de trabalho (TC, SD, Pôster, MC, ou PIC), pelo menos um dos autores deverá ter sua inscrição no Simpósio paga. O pagamento da inscrição deverá ser realizado até 31/07/2010 para que o trabalho aceito seja incluído na Programação do Simpósio.

Atenção para os prazos:
* Submissão de Pôsteres até 30/06/2010, conforme orientações (informações para submissão de pôsteres)

* Submissão de Trabalhos Completos, Relatórios de Iniciação Científica e propostas de Minicursos e Sessões Dirigidas 21/05/2010

* Pagamento da Taxa de Inscrição para inclusão na Programação: 31/07/2010

Contato

Siga-nos no Twitter

Localização

Auditório

não informado - 0000 - não informado

Bento Gonçalves - Rio Grande do Sul

Apoiadores