Ir para o conteúdo Corpus Ir para o menu Corpus Ir para a busca no site Corpus Ir para o rodapé Corpus
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Avança o projeto de criação de Fundo Documental



O Laboratório Corpus (Programa de Pós-Graduação em Letras – UFSM) foi sede da Reunião de Trabalho entre professores pesquisadores e estudantes bolsistas com vistas a definir os próximos passos na organização e no tratamento da documentação constitutiva do Fundo Documental Neusa Carson, bem como dos outros Fundos que advém de patrimônio (livros, objetos, fotos, manuscritos, documentos oficiais, etc.) doado por pesquisadores renomados, que tiveram parte de suas trajetórias vinculadas à UFSM ou que confiam seus pertences aos cuidados da Instituição. O projeto de Fundos Documentais vinculados ao Laboratório Corpus constitui-se de acervos oriundos de doações, conforme segue :

 Neusa Carson (2010) – atualmente o legado ocupa um espaço provisório no Laboratório Corpus já recebendo tratamento arquivístico; Michael Philips (2011) – uma primeira parte foi recebida pelo Prof. Dr. Enéias Tavares Rodrigues e é composta por livros, placas de cobre, impressões, sendo que já está prevista a doação de uma segunda parte em 2014; Maria Luiza Ritzel Remédios (2012) – um ato formal para transferência do patrimônio bibliográfico foi assinado, no dia 08 de agosto deste ano, pelo filho da pesquisadora, João Antonio, e representantes da UFSM; Aldema Menine Mckinney, a definir brevemente os procedimentos da doação de acervo próprio.

A reunião, realizada no dia 11, teve a coordenação da Profª. Dr. Verli Petri, coordenadora acadêmica do Laboratório Corpus, e contou com a presença da Profª. Rosani Pivetta da Silva, do curso de Arquivologia da UFSM, parceira no projeto dos Fundos Documentais; da Profª. Sílvia Niederauer, discípula e amiga pessoal da Profª. Maria Luiza Ritzel Remédios, parceira e colaboradora da organização do Fundo Documental da referida professora. Participaram também desta reunião, os integrantes do Laboratório Corpus: o Prof. Dr. Enéias Tavares Rodrigues, a Profª. Dr. Simone Oliveira (PNPD-CAPES), a Profª. Dr. Zélia Viana Paim (PNPD-CAPES) e os bolsistas envolvidos no projeto dos Fundos Documentais: Carla da Silva (Arquivologia), Bruna Cielo (Letras) e Guilherme Guerra (PET Letras). Esta reunião estabeleceu a metodologia de trabalho que será adotada pelo grupo a partir deste momento, já que são quatro Fundos Documentais de grande importância para a preservação da memória e da história de pessoas e de instituições. Redação: André Campos – Jorn. MTb 10.790 – Bolsista Capes, doutorando PPGL. (13/9/2012)

 

Publicações Relacionadas

Publicações Recentes