Ir para o conteúdo Corpus Ir para o menu Corpus Ir para a busca no site Corpus Ir para o rodapé Corpus
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Encerramento do XIX Seminário Corpus



Na última sexta-feira, dia 14 de Dezembro de 2012, tivemos a última jornada de trabalho do XIX Seminário Corpus e do IV Ciclo de Palestras PetLetras de 2012. Para tanto, recebemos na UFSM a Profa. Dra. Juliana Steil, atual pós-doutoranda da Universidade Federal de Santa Catarina para uma série de atividades, todas dedicadas à recepção e à tradução da obra de William Blake no Brasil. O teve início com sua conferência, “Tradução e Intervenção Crítica: Um Projeto de Tradução Comentada de ‘Milton’, de William Blake”.   No final da manhã, foi lançado o número 34 da Coleção Fragmentum, que conta com uma entrevista bilíngue com o professor da Universidade de York, Michael Phillips, um dos maiores especialistas na arte e na técnica de gravação de Blake. Além do lançamento, o Prof. Dr. Enéias Tavares (UFSM) apresentou aos presentes o acervo bibliográfico e artístico que levará o nome de Michael Phillips, bem como os planos para a criação de um centro de pesquisas dedicado à arte de Blake.   Na parte da tarde, tivemos a tradicional Conversa com o Pesquisador, na qual tivemos a oportunidade de questionar a pesquisadora Juliana Steil sobre tradução poética, crítica literária, poesia e pintura blakiana e os estudos de tradução na Universidade Federal de Santa Catarina. Todas essas atividades contaram com os pesquisadores do Laboratório Corpus, com os professores do Departamento de Letras Clássicas e Linguística e com os alunos de graduação e pós-graduação de nossa instituição. Na última sexta-feira, dia 14 de Dezembro de 2012, tivemos a última jornada de trabalho do XIX Seminário Corpus e do IV Ciclo de Palestras PetLetras de 2012. Para tanto, recebemos na UFSM a Profa. Dra. Juliana Steil, atual pós-doutoranda da Universidade Federal de Santa Catarina para uma série de atividades, todas dedicadas à recepção e à tradução da obra de William Blake no Brasil. O teve início com sua conferência, “Tradução e Intervenção Crítica: Um Projeto de Tradução Comentada de ‘Milton’, de William Blake”.   No final da manhã, foi lançado o número 34 da Coleção Fragmentum, que conta com uma entrevista bilíngue com o professor da Universidade de York, Michael Phillips, um dos maiores especialistas na arte e na técnica de gravação de Blake. Além do lançamento, o Prof. Dr. Enéias Tavares (UFSM) apresentou aos presentes o acervo bibliográfico e artístico que levará o nome de Michael Phillips, bem como os planos para a criação de um centro de pesquisas dedicado à arte de Blake.   Na parte da tarde, tivemos a tradicional Conversa com o Pesquisador, na qual tivemos a oportunidade de questionar a pesquisadora Juliana Steil sobre tradução poética, crítica literária, poesia e pintura blakiana e os estudos de tradução na Universidade Federal de Santa Catarina. Todas essas atividades contaram com os pesquisadores do Laboratório Corpus, com os professores do Departamento de Letras Clássicas e Linguística e com os alunos de graduação e pós-graduação de nossa instituição.

Publicações Relacionadas

Publicações Recentes