Ir para o conteúdo LabInter Ir para o menu LabInter Ir para a busca no site LabInter Ir para o rodapé LabInter
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Itin[errância]

Itin[errância] (2019), de Andréia Oliveira, com design de áudio de Luiz Augusto Alvim, com apoio do LabInter, é um vídeo-projeção, com duração de 04:09, que nos coloca entre linhas que se cruzam constantemente, mesmo quando desaparecem, fazem-se presentes em suas invisibilidades. Demarcam trajetos, espaços, territórios. Mapas, GPS, sistemas métricos de localização nos fornecem as rotas. Nesta videoarte, caminhos da cidade de Santa Maria/Brasil, Durban/África do Sul e Maputo/Moçambique são registrados durantes alguns percursos investigativos ocasionais e se conectam em um espaço comum. Entre as transitoriedades dos trajetos e as tensões dos deslocamentos, percorremos espaços em movimentos que se sequenciam, cruzam, mesclam, misturam e dissolvem. Tensões entre itinerários demarcados, estriados, precisos; e errâncias aleatórias, vagas, nebulosas, esboçadas. Mobilidades. Memórias. Fronteiras diluídas. Olhares retidos pela câmera em caminhos que não passaremos mais. Línguas que são reconhecidas nos gestos dos corpos. Imagens traduzidas em ruídos de máquinas mecânicas e eletrônicas se intercalam a tambores e cantigas de esperança na produção do áudio. Paradoxos que habitam Itin[errância]s.

Itin[errância] (Itiner[r]ancy) (2019) dur. 04:09. Andreia Oliveira; sound design, Luiz Augusto Alvim; production support by LabInter. This video art locates us at the crossroads of lines that are perpetually crossing, and remain conspicuous despite their invisibility when they disappear. They mark pathways, spaces, territories even if maps, GPS, metric location systems provide us with directions. Haphazard investigative trajectories in the Gaucho countryside of Santa Maria/Brazil, the outlying townships of Durban/South Africa and the peripheral fringes of Maputo/Mozambique intertwine to find a common space. Between the transitoriness of nomadism and the tensions of displacement, the images travel the interstices of sequenced movements that connect, mix, blend and dissolve into each other. They reveal tensions between bounded, striated, precise itineraries and random, vague, and sketchy errancies. Mobilities. Memoirs. Diffuse boundaries—gazes of routes we will never revisit, documented alongside embodied languages discerned in gestures. Images voiced by the noise of mechanical and electronic machines interspersed with drums and songs of hope. Paradoxes inhabiting Itiner[r]ancy. 

 Andréia Oliveira 
Vídeo projeção

Duração: 04:09, 2019

Design de áudio: Luiz Augusto Alvim

Produção: LabInter

Sound format: 24 bits, 48kHz, stereo