Ir para o conteúdo LAS Ir para o menu LAS Ir para a busca no site LAS Ir para o rodapé LAS
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Sobre

O LAS realiza em torno de 2.500 análises por ano, em sementes de espécies de interesse agrícola, tais como arroz, aveia, feijão milho, soja, trigo, hortaliças e forrageiras, determinando a qualidade das sementes utilizadas em muitos municípios da região central e oeste do Rio Grande do Sul.

Já o laboratório didático e de pesquisa em sementes (LDPS) atende anualmente cerca de 120 alunos, através da disciplina Produção e Tecnologia de Sementes, oferecida ao Curso de Agronomia/UFSM, assim como aproximadamente 20 alunos, através das disciplinas oferecidas ao Programa de pós-graduação em Agronomia. Também são atendidos alunos bolsistas de iniciação científica e estágios de complementação curricular.

Histórico

O Núcleo de Sementes/UFSM começou a ser idealizado em 1977, a partir do interesse dos Departamentos de Agricultura e de Fitotecnia em instalar um laboratório de análise de sementes para atender à disciplina Produção e Tecnologia de Sementes, do Curso de Agronomia, e suprir uma lacuna quanto à avaliação da qualidade das sementes na região centro do Estado do Rio Grande do Sul.

Com recursos dos referidos Departamentos e do Programa de Desenvolvimento do Ensino em Ciências Agrárias – PRODECA, foi inaugurado em 24/10/1979 o Laboratório de Análise de Sementes de Produção (LASP), credenciado através da portaria nº 41 de 02/09/1980 do Ministério da Agricultura e Reforma Agrária, que definitivamente implantou e divulgou a análise de sementes na região.

O LASP/UFSM passou a atender aos alunos do Curso de Agronomia, através de aulas práticas e também aos produtores de sementes e agricultores em geral, por meio de análises de rotina, assumindo, desde então, grande importância na transmissão de conhecimentos sobre sementes e por auxiliar decisivamente na tomada de decisão da comunidade agrícola quanto ao uso de sementes de boa qualidade.

O crescimento das atividades e o reduzido espaço físico motivaram a instalação, em 15/09/1991, do Laboratório Didático e de Pesquisas em Sementes (LDPS), voltado ao atendimento do ensino e pesquisa em sementes, permitindo ao LASP dedicar atenção prioritária à prestação de serviços e à extensão rural.

Recentemente, o Laboratório de Análise de Sementes de Produção passou a se chamar Laboratório de Análise de Sementes (LAS), o qual cumpre, hoje, com as diretrizes da UFSM, atuando em ensino, pesquisa e extensão. Orienta, por intermédio de seus professores, alunos de pós-graduação e graduação e oferece estágios científicos a alunos bolsistas ou voluntários, que participam de grupos de estudos e de pesquisas.

LAS-UFSM é reconhecido atualmente pela qualidade das análises de sementes que realiza e, com mais de 30 anos de prestação de serviços junto ao produtor e empresas do setor sementeiro, tem assumido um importante papel no desenvolvimento da agricultura da região central e oeste do Rio Grande do Sul.