Ir para o conteúdo Íntegra Ir para o menu Íntegra Ir para a busca no site Íntegra Ir para o rodapé Íntegra
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Projeto que prepara alunos para a OBMEP tem seu futuro incerto durante pandemia de Covid-19



Devido a à suspensão de aulas nas escolas, responsáveis não sabem quando projeto
pode voltar a agir.

Por Caroline Schneider Lorenzetti.
Pela disciplina de Redação Jornalística I.
Orientado pela professora Andréa Weber.

O projeto de extensão “Ampliando caminhos do conhecimento pela OBMEP”, coordenado pela docente da UFSM-Campus Frederico Westphalen, Patrícia Rodrigues Fortes, está paralisado por tempo indeterminado durante a pandemia de Covid-19, já que as aulas nas escolas do estado do Rio Grande do Sul (RS) continuam suspensas.

O projeto visa preparar alunos das Escolas de Educação Básica (6º ao 9º ano), -de Frederico Westphalen e Seberi-, para participar da 2ª fase da OBMEP (Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas). O projeto depende da escolha das datas para as provas, visto que só poderá operar quando as escolas do RS voltarem a funcionar normalmente.
“Depois que as crianças são selecionadas na 1ª fase, passamos a trabalhar com elas, organizando oficinas em que explicamos os conteúdos de matemática que são cobrados nas provas da 2ª fase, -que ocorrem sempre no final de setembro-. Era assim que estávamos acostumados a trabalhar.”, explicou a professora.

A coordenação geral da OBMEP publicou em seu site que o calendário das Olimpíadas de 2020 está sendo cuidadosamente alterado, para que todas as escolas, professores e estudantes possam participar da competição em segurança.

“Vamos aguardar, com esperança de que nosso projeto possa acontecer depois que as escolas voltarem a funcionar e a 1ª fase da OBMEP ocorrer”, concluiu Patrícia Rodrigues Fortes.

Pandemia de Covid-19 causa paralisação de projeto que prepara alunos para a OBMEP

O Projeto “Ampliando caminhos do conhecimento pela OBMEP”, que visa ajudar a preparar alunos das escolas públicas de Frederico Westphalen e Seberi para a 2ª fase da prova OBMEP (Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas), tem seu futuro incerto durante pandemia. Devido à suspensão das aulas no estado do Rio Grande do Sul, a coordenadora do projeto e docente da UFSM-Campus Frederico Westphalen, Patrícia Rodrigues Fortes, relatou que o seguimento do projeto depende da escolha das datas para as provas, que deve ser feita pela coordenação geral da OBMEP, para que o projeto possa voltar a funcionar normalmente.

Íntegra – Agência Experimental de Comunicação – Laboratório didático de Ensino do Departamento da Comunicação da Universidade Federal de Santa Maria campus Frederico Westphalen.

Publicações Recentes