Ir para o conteúdo AGITTEC Ir para o menu AGITTEC Ir para a busca no site AGITTEC Ir para o rodapé AGITTEC
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Professora da UFSM recebe Prêmio Pesquisador Gaúcho 2022



Na última semana, a Doutora Luciane Neves Canha, Professora Titular do Curso de Engenharia Elétrica da Universidade Federal de Santa Maria foi uma das agraciadas do Prêmio Pesquisador Gaúcho 2022, na categoria Pesquisador na Empresa. A premiação é promovida pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs), vinculada à Secretaria Estadual de Inovação Ciência e Tecnologia (SICT). A solenidade aconteceu ao fim da tarde no Salão de Convenções da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul – FIERGS.

O Prêmio Pesquisador Gaúcho 2022 tem o tema de “Ciência Gera Desenvolvimento” e visa reconhecer o trabalho de pesquisadores e profissionais que se destacaram na academia, nos setores público, industrial, empresarial e na área de comunicação. Para Luciane, receber o prêmio é uma honraria que engrandece todo o trabalho realizado ao longo de minha atividade profissional , coroa o esforço e a dedicação que sempre tive pela pesquisa, desenvolvimento e inovação. “É um reconhecimento também para a Universidade Federal de Santa Maria ter uma pesquisadora do seu quadro funcional recebendo esse Prêmio  que demonstra a forte atuação que temos junto a empresas visando a inovação e a transformação da sociedade”, completa a professora.

A docente da UFSM é referência na área de mobilidade elétrica. Ela já participou de diversos congressos e atividades internacionais e em outros estados do país. Teve destaque internacional ao figurar entre as 21 mulheres mais influentes em mobilidade pelo projeto Influential Women of Mobility (Mulheres Influentes da Mobilidade). Perguntada sobre a importância do prêmio em sua vida profissional, Luciane diz que é uma alegria e orgulho ter sido reconhecida dentre os pesquisadores gaúchos que atuam com empresas como a representante que se destacou e traz consigo uma responsabilidade que é a de continuar atuando para o desenvolvimento das pesquisas aplicadas à sociedade, reunindo empresas, universidades, alunos e pesquisadores. 

Além de Luciane, o Prêmio Pesquisador Gaúcho 2022 ainda contemplou outros 13 vencedores em diferentes categorias. Porém, entre os ganhadores, apenas 4 são mulheres. A professora fala um dessa problemática e que é de extrema importância ter mulheres mais mulheres participando de pesquisas e inovações nas mais diversas áreas. “A diversidade gera o crescimento, diferentes produtos podem ser desenvolvidos a partir de uma troca de idéias e pontos de vista que devem incluir a visão feminina”, completa Luciane.

 

Texto por Luka de Andrade – Bolsista de Comunicação da Agittec

Fotos – Reprodução

Divulgue este conteúdo:
https://ufsm.br/r-399-4602

Publicações Relacionadas

Publicações Recentes