Ir para o conteúdo DAG Ir para o menu DAG Ir para a busca no site DAG Ir para o rodapé DAG
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Projeto Retalhos da Memória de Santa Maria – artigo 121 Exposição de Peciar Basiaco em 1981



Audiodescrição da imagem: Fotografia vertical em preto e branco de um homem e duas esculturas em um ambiente interno. O homem, centralizado na imagem e  enquadrado do tórax para cima, está de frente para nós, com o rosto levemente voltado para a esquerda; tem aproximadamente quarenta anos, pele clara, é parcialmente calvo, com os cabelos restantes lisos e escuros e barba escura; está com um paletó listrado e uma camisa escura; olha fixamente para uma escultura que está à esquerda e mais à frente dele. A escultura é estilizada, de uma mulher em pé, com um dos braços erguido próximo à cabeça; tem aproximadamente quarenta centímetros de altura, é clara e com aspecto antigo. Está sobre parte de um pedestal retangular e claro. Também à esquerda e mais ao fundo da imagem, outra escultura estilizada de uma mulher, com as mesmas características da primeira, com os braços ao longo do corpo. Ao fundo, parte de uma grande janela horizontal com cinco vidros, separados verticalmente por molduras escuras por onde se vê persianas externas claras.     Audiodescritora Roteirista: Marya Eduarda Garcia de Oliveira  Audiodescritora Consultora: Fernanda Taschetto

Esculturas, desenhos e pinturas de Silvestre Peciar Basiaco foram expostas, em agosto de 1981, na Sala de Exposição da UFSM. A exposição apresentou cerca de cem obras do artista uruguaio, professor de escultura em Santa Maria. Sua temática preferida era a figura feminina. Formado em Desenho e Pintura na Escola Nacional de Belas Artes da Universidade da República Oriental do Uruguai, especializou-se em escultura e arte mural na Academia Pietro Vanucci, na Itália. Peciar participou de mostras coletivas e individuais em diversos locais, como Montevideo, Punta del Este, Buenos Aires, Trieste, Madri, Porto Alegre e Santa Maria, utilizando as linguagens da xilogravura, pintura, escultura e desenho. A escultura de 2 metros de altura por 3 m de comprimento localizada em frente ao prédio da Administração Central também é de sua autoria.

Texto: Lidiane Castagna Gonçalves, acadêmica do 3° semestre do Curso de Desenho Industrial da UFSM.

Audiodescrição da imagem: Fotografia vertical em preto e branco de um homem e duas esculturas em um ambiente interno. O homem, centralizado na imagem e  enquadrado do tórax para cima, está de frente para nós, com o rosto levemente voltado para a esquerda; tem aproximadamente quarenta anos, pele clara, é parcialmente calvo, com os cabelos restantes lisos e escuros e barba escura; está com um paletó listrado e uma camisa escura; olha fixamente para uma escultura que está à esquerda e mais à frente dele. A escultura é estilizada, de uma mulher em pé, com um dos braços erguido próximo à cabeça; tem aproximadamente quarenta centímetros de altura, é clara e com aspecto antigo. Está sobre parte de um pedestal retangular e claro. Também à esquerda e mais ao fundo da imagem, outra escultura estilizada de uma mulher, com as mesmas características da primeira, com os braços ao longo do corpo. Ao fundo, parte de uma grande janela horizontal com cinco vidros, separados verticalmente por molduras escuras por onde se vê persianas externas claras.

 

Audiodescritora Roteirista: Marya Eduarda Garcia de Oliveira

Audiodescritora Consultora: Fernanda Taschetto

Artigo em Libras

Publicações Recentes