Ir para o conteúdo DAG Ir para o menu DAG Ir para a busca no site DAG Ir para o rodapé DAG
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Projeto Retalhos da Memória de Santa Maria – artigo 123 O Instituto Cultural Brasileiro Alemão em 1978



O Instituto Cultural Brasileiro Alemão (ICBA) de Santa Maria foi fundado em agosto de 1963 por um grupo de pessoas comprometidas e admiradores da cultura germânica. É uma ramificação do Instituto Goethe, que tem sede em Munique, e filiais em todos os continentes. Surgiu com o objetivo de estimular o intercâmbio entre o Brasil e a Alemanha, promovendo a difusão da cultura e da língua alemã no Brasil e da cultura luso-brasileira, assim como realizar cursos e conferências e proporcionar através de bibliotecas e discotecas a oportunidade de convívio entre brasileiros e alemães. O Curso de Alemão, com  uma  média  anual de 100 alunos, foi dirigido, por dez anos, pela professora Helga Prade, sendo 50 destes alunos, professores e funcionários da Universidade Federal de Santa Maria, matriculados em virtude de convênios entre o ICBA e a UFSM.

Texto: Lidiane Castagna Gonçalves, acadêmica do 3° semestre do Curso de Desenho Industrial da UFSM.

Audiodescrição da imagem: Fotografia horizontal, em preto e branco, plano geral, em que há um grupo de pessoas usando fones de ouvido circoauriculares, e lendo livros, reunidas dentro de uma pequena sala pouco iluminada. São doze pessoas sentadas, sendo a maioria homens, com exceção de um que está em pé; todos de pele clara, cabelo que varia entre o claro e escuro, curto e liso, até o pescoço, ou curto e volumoso, entre vinte e cinco a trinta e cinco anos; vestem roupas casuais: calça jeans, camiseta, camisa xadrez de flanela e uma das mulheres usa casaco com ombreiras. Uma moça sentada à esquerda da fotografia, está virada para o lado direito, com os braços apoiados em cima de um livro e folhas espalhadas sobre uma mesa, sorri. O homem em pé, no canto direito da imagem, olha um livro aberto que está em cima da mesma mesa. O restante do grupo também aparece com livros. A sala tem duas mesas de madeira escura e pernas finas. O grupo está sentado em cadeiras de madeira clara estofadas. Na parede clara, do lado esquerdo da imagem, um disjuntor e um interruptor de luz; ao fundo da sala, uma grande janela quadrada de madeira com duas folhas escancaradas para dentro, em que se vê lá fora um breu; do lado direito da janela, um quadro pendurado, e do lado direito da parede, outra janela de madeira clara, dessa vez vertical, fechada. O teto é claro e de concreto. 

 

Audiodescritora Roteirista: Isabel Motta

Audiodescritora Consultora: Rubia Steffens 

Artigo em Libras

Publicações Recentes