Ir para o conteúdo DAG Ir para o menu DAG Ir para a busca no site DAG Ir para o rodapé DAG
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Projeto Retalhos da Memória de Santa Maria – artigo 124 Fundação Ford Visita a USM em 1965



Em 1965, a Universidade de Santa Maria recebeu em visita oficial, os representantes da Fundação Ford no Brasil, Reynold E. Carlson e Richard V. Weeks, Estes vieram em resposta a um convite realizado pela Reitoria, a fim de observarem a universidade devido à colaboração que a empresa prestava aos setores da educação e pesquisa em várias universidades do Brasil e no mundo. A visita subsidiou estudos especiais da Fundação Ford para planos futuros. Os convidados, após reuniões com diretores de Faculdades e Institutos, tomaram conhecimento do intenso trabalho que era realizado nas unidades educacionais. A fundação foi fundada em 1934 nos EUA e instalou um escritório no Brasil em 1962, estando entre os mais antigos dos doze que a instituição mantém no exterior.

Texto: Marcele Della Flora Cortes, acadêmica do 5°semestre do Curso de Arquivologia da UFSM.

Audiodescrição da imagem: Fotografia vertical em preto e branco de três homens junto à uma mesa com livros e outros objetos, em um ambiente interno, com várias gavetas ao fundo. Os homens, na faixa etária entre 50 e 60 anos, estão enquadrados da cintura para cima, de frente, em pé e lado a lado. Todos têm pele clara, usam óculos de grau com armação redonda e estão com o semblante atento. O homem da esquerda tem o rosto oval, bochechas salientes, cabelo liso, grisalho e penteado para trás, com entradas de calvície na testa, e usa terno de tom escuro, camisa clara e gravata com faixas diagonais em claro e escuro. O homem do meio, de cabelo curto, escuro e penteado da esquerda para a direita, tem rosto oval e veste terno escuro com colete de tom acinzentado, camisa clara e gravata escura. E o homem da direita, de cabelo curto, liso e penteado para trás, tem rosto oval e estreito e veste um jaleco claro, camisa clara e gravata escura. Ele segura, com a mão esquerda, pela lombada, uma pasta de papel cartão, e a abre com a outra mão. E todos os homens olham atentamente para essa pasta. À frente dos homens, uma mesa de tampo escuro sobre a qual estão uma caixa, dois envelopes, cinco livros e dois instrumentos. A caixa, localizada a frente do homem da direita e abaixo da pasta, é de madeira, em tom claro, com a forma quadrada e cerca de quarenta centímetros de altura. À esquerda da caixa, dois envelopes do tamanho A4, em tom claro, deitados um sobre o outro. À frente da caixa e dos envelopes, os cinco livros, em duas pilhas, com três à esquerda e dois à direita. Na capa do livro superior da pilha da direita, a escrita “Botânica Sistemática”, com letras claras em um fundo escuro. Já na capa do livro superior da esquerda, um fundo claro com uma figura em formato de cubo, com as letras “A”, “B” e “C” em suas faces, respectivamente, minúsculas e em tom claro. O cubo está contornado por um círculo de tom escuro. À direita dos livros, dois instrumentos estreitos, compridos e finos, com marcações em toda a superfície superior, similares a uma régua. O fundo está totalmente ocupado por gavetas de arquivo, em tom claro e puxadores metálicos, tendo na extremidade direita um dos espaços vazado, sem a gaveta. Na parte superior e central, a frente de uma gaveta, um cartaz claro, com a escrita em escuro e caixa alta: “MANUSEAR COM CUIDADO AS PLANTAS; CONSERVÁ-LAS NA ORDEM ALFABÉTICA”.  À frente das gavetas, na extremidade direita, em frente ao espaço vazado, uma escada metálica de abrir, posicionada lateralmente.

Audiodescritora Roteirista: Aline do Prado Ferreira;

Audiodescritor Consultor: Cristian Evandro Sehnem;

Apoio: Cíntia Pasa Lopes.


Publicações Recentes