Pular para o conteúdo
Português English Español Français Italiano

Redes Sociais

Início do conteúdo

Memória Brasil destaca Maysa neste domingo, 27/03

Memória BrasilO Memória Brasil está destacando, neste mês de março, uma série especial com compositoras brasileiras, em homenagem às mulheres. O quarto programa vai ao ar neste domingo, 27/03, encerrando a série com as canções de Maysa na interpretação de vozes femininas da música nacional.

A cantora e compositora Maysa Figueira Monjardim Matarazzo nasceu a 6 de junho de 1936, na cidade de São Paulo. Desde pequena, cantava em festas familiares. Logo começou a tocar piano e a escrever músicas, como o samba-canção Adeus, que compôs com apenas 12 anos. Aos 18 anos, tão logo saiu do colégio interno, se casou com André Matarazzo, empresário da tradicional família paulistana, 20 anos mais velho que ela. Com ele teve seu único filho, o hoje diretor de televisão Jayme Monjardim. Assim que ele nasceu, em 1956, lançou seu primeiro disco, Convite Para Ouvir Maysa.

Depois da separação, Maysa se estabeleceu no Rio de Janeiro, onde teve contato com os integrantes da bossa nova. Se envolveu com Ronaldo Bôscoli, mas por causa de seus problemas com a bebida, o romance não durou. Ela ainda teve tumultuados casos amorosos com o advogado espanhol Miguel Azenza, o ator Carlos Alberto e o maestro Júlio Medaglia. Os escândalos eram fartamente explorados pelos jornais e revistas da época. Maysa morreu aos 41 anos, em 22 de janeiro de 1977, em um acidente de carro na ponte Rio-Niterói

O Memória Brasil vai ao ar todo domingo pela Rádio Universidade, na faixa das 18h00 às 19h00. A pesquisa, produção, apresentação e edição é de Milton Oliveira. O programa pode ser ouvido pelos 800 AM e aqui no site da emissora.