Ir para o conteúdo Rádios Ir para o menu Rádios Ir para a busca no site Rádios Ir para o rodapé Rádios
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Aberta exposição que retrata os 50 anos da Rádio Universidade



Na manhã desta segunda-feira (21) foi realizada, no hall da Reitoria, a abertura da Exposição dos 50 anos da Rádio Universidade. A cerimônia, conduzida pelo radialista Roberto Montagner, contou com a presença do vice-reitor da UFSM, professor Luciano Schuch, da coordenadora de Comunicação Social, Carine Felk Prevedello, da diretora da Rádio Universidade, Rejane Miranda, da arquivista do Departamento de Arquivo Geral Cristina Strohschoen, curadora da exposição, além de servidores da ativa e aposentados, alunos e demais convidados.

A cerimônia de abertura, iniciada às 11h, trouxe inúmeros agradecimentos e contribuições dos convidados presentes. Cristina Strohschoen iniciou seu agradecimento exaltando o trabalho realizado por ela e sua equipe para a concretização da Exposição. “Agradeço ao Departamento de Arquivo Geral por permitirem trabalhar com a memória desta universidade. Emociono-me em poder ter participado também da memória da Rádio, para compor os 14 painéis de pesquisa minuciosa para o resgate da sua história”. A arquivista concluiu seu agradecimento com entusiasmo e fez um convite: “devo dizer para vocês: apreciem sem moderação”.

Após, os agradecimentos seguiram com a diretora da Rádio Universidade, Rejane Miranda, que elogiou o trabalho da arquivista e comentou: “É emocionante realmente a gente chegar aqui e ver a história contada através de objetos, de programas, de registros fotográficos e históricos. Essa é uma maneira de homenagear todos e todas que começaram, continuam e estão à frente, hoje, na Rádio Universidade”. 

A coordenadora de Comunicação Social, Carine Felk Prevedello também fez seus agradecimentos pontuando a atuação ininterrupta da rádio ao longo destes 50 anos: “São muitos programas em atividade há mais de 10, 20, 30 anos no ar, permanentemente, com muitos comunicadores envolvidos. Não é um trabalho fácil, como vocês imaginam, é um trabalho que exige um cuidado muito grande com as pessoas que vamos nos referir, com as atividades que nós vamos organizar, e isso envolve a vida de muita gente que se dedica à comunicação”, ressaltou.

O agradecimento final foi do vice-reitor, Luciano Schuch que exaltou o trabalho da Rádio: “o papel que a Rádio tem para com a comunidade é muito importante, pois conseguimos levar o conhecimento e o trabalho da universidade. É muito importante e gratificante para nós olharmos a alegria dos profissionais que trabalham na Rádio. Manter uma rádio 50 anos no ar é um trabalho árduo, por isso parabenizo toda a equipe, desde os nossos comunicadores aos bolsistas e técnicos. Todos os meios de comunicação que temos na UFSM são fundamentais para a Universidade, para a cidade e região” concluiu.

A Exposição dos 50 anos da Rádio ficará no hall do prédio da Reitoria até o dia 25 de maio. No dia 26, a exposição estará no jantar comemorativo na Associação dos Professores Universitários de Santa Maria (Apusm). Após, ela seguirá para alguns pontos da cidade, como os shoppings.

Originalmente publicado no portal de notícias da UFSM.


Publicações Recentes