Ir para o conteúdo PRE Ir para o menu PRE Ir para a busca no site PRE Ir para o rodapé PRE
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

A Extensão das Ruas | Perfil



O que você fez em maio de 1998?

 

Talvez se preparou para a Copa do Mundo na França. Talvez tenha assistido ao jornal nacional, em que o recém-formado casal William Bonner e Fátima Bernardes narrou o início da guerra entre a Etiópia e a Eritreia. Quem sabe, ao ouvir esta notícia, até foi procurar, em alguma enciclopédia, informações sobre esses países, sem saber que, três meses depois, seria criado o maior site de pesquisa do mundo: o Google. Nesse mesmo maio de 1998, nos Estados Unidos, era lançado, oficialmente, o primeiro iMac, pela Apple. Talvez você não lembre o que fez ou talvez nem tivesse nascido, mas, em maio de 1998, iniciava-se, no departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Santa Maria, o primeiro projeto de extensão coordenado pelo Técnico Administrativo em Educação Juarez Felisberto.

A primeira ação extensionista sob sua orientação foi voltada às crianças e aos adolescentes da Vila Invasão, na cidade de Santa Maria (RS). Ele e outros participantes da UFSM, juntamente, construíram uma estufa na localidade. Porém, essa primeira tentativa não deu certo, como nos informou e, a partir de então, contando com parcerias internas na UFSM, começou a trazer esses moradores para que pudessem conhecer o campus da Universidade e o que ele poderia oferecer a eles.

Juarez conheceu sua alma mater aos 16 anos, no segundo ano do Ensino Médio, quando decidiu cursar Zootecnia. O seu “Norte adolescente”, como define, era a produção de alimento e o fim da fome no mundo. Dois anos após sua decisão, ingressou como acadêmico do curso de Zootecnia na UFSM. Formou-se em 1980, já atuando como servidor da Universidade. Seguiu seus estudos na área, tornando-se mestre em 1995. Já no ano seguinte, em 1996, criou a Associação Renascer, voltada à inclusão social de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social. No entanto, em 2006, sua preocupação com os locais em que estava inserido o levou a cursar Ciências Sociais. Ao longo de sua caminhada de quatro décadas na UFSM, Juarez já participou de mais de 20 projetos e programas de extensão e há, pelo menos, 20 anos, está à frente de novas ações desenvolvidas pela Universidade na cidade de Santa Maria. O jovem, que ingressou no Ensino Superior querendo mudar o mundo, encontrou, na extensão universitária, uma forma de garantir o acesso dos grupos marginalizados aos seus direitos.

Entre os projetos que participa atualmente está o “UFSM nas Ruas: mais portas, menos muros para catadores de materiais recicláveis e pessoas em situação de rua”, o qual Juarez é participante. O projeto visa a estimular uma cultura de cidadania e Direitos Humanos para os sujeitos em situação de vulnerabilidade social. Juarez também é presidente do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (COMSEA-SM), onde busca construir uma política de agricultura urbana, periurbana e de segurança alimentar, além de lutar pela reabertura de cozinhas comunitárias e restaurantes populares na cidade de Santa Maria.

Nesses 21 anos de atuação como extensionista, Juarez viu uma profunda e importante mudança na visão e na concepção da extensão: de uma atividade conhecida como difusionista e propositiva, que era responsável por levar o conhecimento da academia para os “não-universitários”, ela foi reconhecida como uma construção coletiva, envolvendo diferentes atores em busca do intercâmbio de saberes, na qual todos são iguais e todas as vozes devem buscar, juntas,  uma sociedade mais justa. Além disso, na perspectiva do Técnico Destaque Extensionista 2019, a extensão também vem assumindo o compromisso de concretizar o retorno das pesquisas feitas na academia, permitindo, à sociedade, acessar muitas das soluções para o seu dia a dia.

Se o mundo mudou muito em 21 anos, algo permanece: a vontade, de Juarez, mudar o mundo e, quiçá, acabar com a fome, ao menos em Santa Maria. E é por toda essa trajetória que o Técnico Administrativo em Educação, servidor do Centro de Ciências Rurais da UFSM, é o Técnico Destaque Extensionista 2019.

 

 

Texto e foto: Wellington Hack/ bolsista NDI PRE

Revisão Textual: Erica Medeiros/ bolsista NDI PRE


Publicações Recentes