Ir para o conteúdo Observatório de Direitos Humanos Ir para o menu Observatório de Direitos Humanos Ir para a busca no site Observatório de Direitos Humanos Ir para o rodapé Observatório de Direitos Humanos
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Projeto ofereceu oficinas de intervenção psicossocial para adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa



Um dos projetos de extensão contemplados com bolsa pelo Observatório de Direitos Humanos da Universidade Federal de Santa Maria (ODH/UFSM) ofereceu oficinas de intervenção psicossocial para adolescentes que estão cumprindo medidas socioeducativas. Coordenado pela professora Jana Gonçalves Zappe, o projeto tinha previsão de realizar 30 oficinas com 40 adolescentes no ano de 2019, a fim de dar continuidade às atividades desenvolvidas no ano anterior no Centro de Atendimento Socioeducativo Regional de Santa Maria (CASE-SM). No entanto, foi possível ir além da expectativa inicial, com um total de 116 oficinas e a participação de 85 adolescentes.

Isso foi possível graças a uma ampliação do projeto, que passou a contar com a professora, três mestrandos e três graduandas em Psicologia, além da disponibilização de espaços físicos para realização das oficinas. Com a pandemia do novo coronavírus, foram desenvolvidas outras ações que dessem continuidade ao projeto. Apesar da redução do número de adolescentes cumprindo medidas socioeducativas, as atividades foram mantidas para os que estavam.

Semanalmente, os adolescentes recebiam cartas que demandavam respostas de suas questões pessoais, como estavam se sentindo e a situação no Case. Todas as respostas aos escritos dos adolescentes eram individualizadas. Apesar de no início não haver muita adesão ao projeto, com o passar do tempo, eles passaram a interagir e a participar da ação, escrevendo semanalmente.

Publicações Relacionadas

Publicações Recentes