Ir para o conteúdo PROGRAD Ir para o menu PROGRAD Ir para a busca no site PROGRAD Ir para o rodapé PROGRAD
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Ranking britânico classifica a UFSM como a 51ª melhor universidade da América Latina e Caribe



 

A UFSM é a 51ª melhor universidade da América Latina e Caribe, de acordo com o Latin America University Rankings 2020, divulgado nesta terça-feira (7) pela instituição britânica Times Higher Education (THE). A metodologia usada para determinar quais são as melhores instituições de ensino superior latino-americanas é a mesma que a THE usa no ranking das melhores universidades do mundo (World University Rankings), que está entre as classificações universitárias mais prestigiadas do mundo.

Com relação ao ranking publicado hoje, os indicadores de performance foram recalibrados com o objetivo de refletir as características das Américas do Sul e Central, região cujas populações se encontram em países economicamente pobres ou em desenvolvimento.

As universidades foram listadas de acordo com o conceito geral obtido no ranking, o qual é calculado através das notas obtidas pelas instituições em cinco itens: citações (influência das pesquisas), indústria (transferência de conhecimento), internacionalização (colaboração com instituições do exterior e proporção de estrangeiros na comunidade acadêmica), pesquisa (produtividade, reconhecimento e renda) e ensino (reputação do ambiente de aprendizado, proporção entre alunos e professores e de estudantes de pós-graduação).

Tendo conquistado o conceito geral de 54, a UFSM obteve as seguintes notas: 35,2 em citações; 38,1 em indústria; 23,5 em internacionalização; 62,3 em pesquisa; 63,8 em ensino. Entre as instituições brasileiras, a UFSM ficou na 28ª colocação.

Pelo segundo ano consecutivo, o primeiro lugar no ranking coube à Pontificia Universidad Católica de Chile. Nesta edição, estão listadas no ranking 166 universidades, de 13 países diferentes. O Brasil é mais uma vez o país com o maior número de instituições presentes no ranking, com 61 universidades listadas, seguido do Chile, com 30, e da Colômbia, com 23. A instituição brasileira mais bem colocada é a Universidade de São Paulo, que ficou no 2º lugar geral.

Fonte: www.ufsm.br


Publicações Recentes