Pular para o conteúdo
Português English Español Français Italiano

Redes Sociais

Início do conteúdo

Por que Dia Internacional da Mulher?

No Brasil, desde os anos 1500, as mulheres foram submetidas à desigualdade de direitos e condições desumanas de trabalho, tais como uma maior jornada de trabalho, salário menor, proibição de voto e de cargos políticos, porém mulheres corajosas da história mudaram essa realidade. Essas pessoas tinham coragem para mudanças, reuniram-se e saíram às ruas para gritar por uma vida melhor, reivindicar igualdade de gênero e respeito. É graças a essas mulheres que 8 de março é o dia internacional da mulher.

 A história do Brasil é marcada por mulheres importantes, algumas delas são:

– Maria Quitéria (1792-1853): Alistou-se no exército, disfarçada de homem, mas logo foi descoberta. Destacou-se pela bravura e seu manejo com armas, recebeu a honra de 1º cadete.

– Anita Garibaldi (1821-1849): Considerada uma das mulheres mais fortes e corajosas da história. Participou com o marido das guerras de unificação da Itália.

– Princesa Isabel (1846-1921): Esteve por três vezes no comando do país, promulgou a Lei do Ventre Livre e a Lei Áurea.

– Rachel de Queiroz (1910-2003): Primeira mulher a entrar para a Academia Brasileira de Letras.

– Maria da Penha Maia Fernandes (1945): Vítima de violência doméstica, lutou para que seu agressor fosse condenado. Líder de movimentos de defesa dos direitos da mulher.

– Dilma Vana Rousseff (1947): Primeira mulher eleita Presidente da República Federativa do Brasil.

Mulheres como essas revolucionaram, quebraram paradigmas e fizeram história. Hoje é mais fácil disseminar a ideia de que o homem e a mulher são iguais e podem fazer exatamente as mesmas coisas. Entendeu-se que as mulheres podem votar, trabalhar, estudar e administrar. Campos que antigamente eram comandados por homens, hoje têm mulheres no poder.

O dia internacional da mulher não é somente uma data para que elas recebam flores, mas principalmente é o dia para que sejam reconhecidas por todas as lutas que travaram e travam diariamente.