Pular para o conteúdo
Português English Español Français Italiano

Redes Sociais

Início do conteúdo

1º de Maio, Dia do Trabalhador ou Dia Internacional dos Trabalhadores

    Essa celebração ocorre em vários países do mundo. Através dela comemoram-se os direitos trabalhistas conquistados pelos movimentos da classe trabalhadora, ao longo da história.

 
      Movimentos trabalhistas contra as absurdas condições de trabalho e abusivas cargas horárias (13 horas diárias) ocorreram em 1886 na cidade de Chicago em 1889 e, em Paris em 1920. Nessas manifestações dezenas de pessoas foram mortas e milhares ficaram feridas devido aos confrontos com a força policial. A Rússia adota o 1º de Maio como feriado nacional, este exemplo é seguido por muitos outros países.

      No Brasil, Getúlio Vargas instituiu o salário mínimo no dia 1º de maio de 1940 e, no dia 1º maio de 1941, foi instalada a Justiça do Trabalho. Outro ponto importante atribuído ao dia do trabalhador foi a criação da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT, em 01 de maio de 1943. A data é comemorada desde 1895 e se tornou feriado nacional em setembro de 1925 por um decreto do presidente Artur Bernardes. Também no Brasil havia o costume, dos governos de anunciar, neste dia, o aumento anual do salário mínimo.
 

     O dia 1º de Maio é também para reflexão a cerda do trabalho e do seu caráter social.