Pular para o conteúdo
Português English Español Français Italiano

Redes Sociais

Início do conteúdo

Participantes do PIBID – Química desenvolvem vivências em espaços não formais e no ensino médio e fundamental

Nas instituições de ensino superior, o Programa Institucional de Bolsistas de Iniciação à Docência (PIBID) é voltado para os cursos de Licenciatura e tem como objetivo proporcionar aos acadêmicos a experiência em sala de aula.

Reunião PIBID – Química. Foto: Arquivo pessoal (Mara Braibante).

Na UFSM, o PIBID – Química existe desde 2009. Através deste projeto, a coordenadora Mara Braibante, salienta que “ele permite que os bolsistas entrem em contato com a realidade escolar, desde o início de sua graduação, estabelecendo relações entre a Química e o cotidiano dos estudantes do ensino médio e fundamental, além de despertar nos estudantes o gosto pela ciência por meio de atividades experimentais”. 

Entre as produções desenvolvidas desde 2009, o projeto realizou ações em espaços não formais, tais como “A Química na Praça” e “A Química no Shopping”. Recentemente, o PIBID esteve presente na última edição do Viva o Campus – Especial Jardim Botânico, ministrando oficina que aproximava as crianças dos conceitos básicos e implicações sociais da química. Em eventos da área, mais de 20 trabalhos já foram apresentados e/ou publicados, além de publicação de artigo no periódico Química Nova na Escola e em capítulo do livro “Reflexões em Debates em Educação Química, Ações Inovações e Políticas”. O trabalho que o PIBID – Química realiza há tantos anos já gerou inúmeros reconhecimentos, entre os quais a coordenadora relembra as comemorações do Ano Internacional da Química, ocasião em que alguns acadêmicos foram “árbitros” de um livro da Sociedade Brasileira de Química, intitulado “A Química Perto de Você”. Além disso, a maioria dos egressos do PIBID seguem a carreira docente e hoje atuam como professores ou continuam na área da educação e ensino da química.

PIBID – Química no Viva o Campus – especial Jardim Botânico. Foto: Arquivo pessoal.

Atualmente, o PIBID – Química é integrado pela coordenadora e professora do Departamento de Química Mara Braibante, uma supervisora, oito bolsistas-BID-CAPES e 1 BID-UFSM, acadêmicos do curso de Química Licenciatura e uma mestranda do grupo de pesquisa e Laboratório do Ensino de Química (LAEQUI).

Apesar das conquistas, Mara fala sobre as dificuldades que os projetos na área do ensino enfrentam, tanto para serem viabilizados com recursos humanos ou financeiros. “Este é um projeto CAPES em que os acadêmicos recebem bolsas, mas quase nenhum financiamento para o seu desenvolvimento”, conta ela.

Sendo este projeto de grande importância para a construção do ensino e de uma aprendizagem qualificada, para Mara “o PIBID – Química mantém a responsabilidade em formar excelentes professores de Química, comprometidos com a qualidade de ensino e capacitados para atuarem com as novas tecnologias de ensino, para promoverem uma aprendizagem significativa de seus estudantes”.

 

Texto por: J. Antônio de S. Buere Filho, acadêmico de Comunicação Social – Produção Editorial e bolsista do Núcleo de Divulgação Institucional do CCNE

Edição: Wellington Gonçalves, relações públicas do Núcleo de Divulgação Institucional do CCNE