Pular para o conteúdo
Português English Español Français Italiano

Redes Sociais

Início do conteúdo

Reunião discute administração e obra do Cetas

Aconteceu na tarde desta quarta-feira mais uma reunião, no Gabinete do Reitor, sobre o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas). O encontro objetivou esclarecer certos pontos da obra e de sua administração. O Cetas será receber, tratar e destinar espécimes da fauna nativa.

Entre os participantes da reunião estavam o reitor Paulo Burmann, o vice-reitor Paulo Bayard; o pró-reitor adjunto de Infraestrutura, BenoineJosué Poll; o coordenador do Ibama em Santa Maria, Tarso Isaia; Direção do Hospital Veterinário Universitário, e coordenadores de cursos do Centro de Ciências Rurais (CCR). 

A responsabilidade da obra é da Eletrobrás, por causa do Termo de Compromisso de Conversão de Multa, feito em 2011, que firmou a reconstrução e reparo da área à qual a empresa provocou dano ambiental, além da construção do Cetas em Santa Maria.

O que mais se debateu foi com quem ficará a responsabilidade da supervisão da obra, se seria encaminhada para a UFSM, para o Ibama, para a Eletrobrás, ou outro. Segundo o reitor Paulo Burmann, não há condições de manter algum servidor da Universidade como responsável técnico, pois as condições atuais da Instituição não permitem. O assunto seguirá sendo encaminhado pelas partes envolvidas.

Além dessa questão da responsabilidade, discutiu-se o prazo para finalização das obras, prevista para, no máximo, um ano. O Centro será próximo ao Hospital Veterinário. Para o coordenador do curso de Medicina Veterinária, Alexandre Krause, o Cetas será muito útil, pois vários alunos do curso manifestam desejo em trabalhar com animais silvestres. “Poder ter essa experiência tão perto, será de grande valor educacional”, ressaltou ele.

cetas 2015

 

Texto: Sabrina Cáceres, acadêmica de Jornalismo, bolsista da Agência de Notícias

Foto: Rafael Happke