Ir para o conteúdo CT Ir para o menu CT Ir para a busca no site CT Ir para o rodapé CT
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Doutoranda do PPGEC é contemplada com recurso para pesquisa pela Acoustical Society of America



A doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil (PPGEC) da UFSM, Marselle Nunes Barbo, foi contemplada na categoria “International Student Grants” com um recurso para a sua pesquisa pela Acoustical Society of America (ASA), que é uma das sociedades científicas mais importantes na área. A ASA ampara pesquisadores, principalmente dos países em desenvolvimento, matriculados em programas ou institutos de acústica, com uma gratificação de cota única e acesso livre aos trabalhos no site por 3 anos. 

Graduada em Arquitetura e Urbanismo pela UNIGRAN no Mato Grosso do Sul e Mestre em Engenharia Civil pela UFSM, ela está desenvolvendo no PPGEC, com a orientação do Prof. Eric Carneiro Brandão, a tese intitulada: “Caracterização acústica de museus: subsídio ao processo projetual.” A proposta do trabalho é estudar os parâmetros acústicos de museus, onde o objetivo é encontrar um alinhamento entre os parâmetros acústicos ideais com as características arquitetônicas dos espaços. 

A ideia para a tese surgiu de uma observação que ela detectou enquanto trabalhava como arquiteta em um escritório de projetos acústicos em São Paulo. “Existe uma grande dificuldade em encontrar referências e parâmetros para projeto de salas que não são de audiência crítica. Salas de audiência crítica são aquelas em que de desenvolvem palestras, execuções musicais, onde existe existe vasta bibliografia e referências para respaldar o desenvolvimento do projeto arquitetônico alinhado com o desempenho acústico satisfatório da sala. Todavia, esta não é a mesma realidade para salas que não possuem essa configuração, como salas de exposições, museus, galerias e demais usos que podem ter natureza acústica semelhante. Estas salas têm grande demanda no dia a dia de projeto, maior que audiência crítica, porém os profissionais encontram dificuldades de diretrizes específicas para estes usos. Normalmente os projetistas fazem adaptações dos parâmetros de salas de audiência crítica”, explica.

Marselle conta que muitos desafios são encontrados ao longo do desenvolvimento da pesquisa.  Um deles é que os museus que serão objeto de estudo são localizados em São Paulo, inviabilizando o transporte dos equipamentos para os ensaios acústicos, então ela teve que procurar empresas privadas dispostas a fazer empréstimo dos equipamentos, o que não foi fácil, mas ela encontrou pessoas dispostas a ajudar. Além disso, há também a dificuldade de auxílio financeiro, pois não possui bolsa e teve que deixar o seu trabalho de período integral para se dedicar inteiramente a tese. 

Por esse motivo o recurso é essencial, além da gratificação, que auxilia na compra de livros, ela poderá ter acesso a trabalhos publicados. Esse fator é de extrema importância, pois ao decorrer de uma pesquisa, muitos artigos normalmente pagos, são estudados até fazer a seleção final das referências. Ademais, de acordo com o orientador, o recurso não  resolverá todos os problemas que precisam ser enfrentados para manter a pesquisa em um alto nível, mas já é uma grande contribuição. “Num cenário em que temos motivos pra ficar desanimados com a situação da pesquisa no Brasil, é um alento perceber que um outro país se interessa em destinar algum recurso pra que a pesquisa aconteça”, disse Eric Brandão.

A gratificação é anual e o edital desde ano já está aberto no site, o prazo para submissão é julho. Para aplicar, é necessário preencher um formulário de inscrição, com os dados do pesquisador, do orientador, os trabalhos de pesquisa mais relevantes dos mesmos, um resumo da vida profissional relacionada à acústica e resumo do projeto de pesquisa, dados ao programa que o pesquisador está vinculado, e outras informações. Após, esse formulário deverá ser enviado para o email da ASA e os resultados são divulgados após alguns meses. 

 

 

Texto por Jéssica Medeiros, acadêmica de Jornalismo – Núcleo de Divulgação Institucional do CT/UFSM.

 


 

Quer divulgar seu projeto ou evento no nosso site? Fez uma viagem técnica? Teve seu trabalho premiado? Participa de uma iniciativa bacana? Conta pra gente!

Entre em contato pelo e-mail: noticiasct@ufsm.br.

Siga o CT nas redes sociaisFacebookInstagram e Twitter.

 

 

 

 


Publicações Recentes