Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Encontro de professores de linguagens no CTISM foi sucesso, avalia organizadora




Professor apresenta trabalho no encontro de professores de linguagens, no CTISM.

O encontro entre professores de linguagens que o CTISM sediou nos dias 15 e 16 “era necessário” para possibilitar aos docentes “a troca de experiências e conhecimentos produzidos em nosso contexto e a criação de parcerias”, segundo a professora Raquel Bevilaqua, que participou da organização do evento. A primeira edição do Encontro Regional de Professores de Linguagens da Educação Profissional e Tecnológica foi promovida pelo LabLínguas (laboratório de linguagens do CTISM) no auditório do colégio.

O evento se estendeu pela manhã e tarde do dia 15 e manhã do dia 16, e incluiu cerca de 25 apresentações de trabalhos e momentos da discussão. Entre os participantes, estavam professores de Porto Alegre, Júlio de Castilhos, São Borja, Jaguari e São Vicente do Sul, e do Colégio Politécnico da UFSM. Além das apresentações e debates no auditório, os docentes fizeram uma visita às instalações do LabLínguas.

Participantes do evento visitam as instalações do LabLínguas no fim da tarde do dia 15.

Para Raquel, a participação dos professores de outras instituições mostra que eles “têm interesse em compartilhar, ressignificar e ampliar seus conhecimentos com seus pares”. Segundo ela, os objetivos do evento foram alcançados. “Reunimos colegas da região, trocamos conhecimento, fomentamos parcerias, inspiramos colegas a registrarem seus conhecimentos práticos e a refletirem criticamente sobre eles”, diz.

A professora do CTISM afirma que “a sala de aula é a ponta do iceberg de nosso trabalho”. “Por baixo, desempenhamos inúmeras e fundamentais funções para que o trabalho em sala de aula seja cada vez melhor”, como pesquisas e discussões. Raquel considera que, de agora em diante, os participantes do encontro têm os objetivos de “criar estratégias para estreitar nossas relações e trocas, buscando fomentar a excelência de nossas ações enquanto professores de linguagens da EPT [educação profissional e tecnológica]”.

 

por Rossano Villagrán Dias

foto 1 Marcel Jacques

foto 2 Rossano Villagrán Dias



Publicações Recentes