Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

CTISM promove atividades de apoio ao combate à LGBTfobia




Drag queens falam no pátio interno, na quarta-feira (16).

A segunda edição do evento MusicDay, no início da tarde de quarta-feira (16), teve atividades especiais em alusão ao Dia Internacional Contra a LGBTfobia, que é comemorado em 17 de maio.

Após quatro apresentações musicais de alunos no pátio interno, dois alunos da UFSM produzidos como drag queens fizeram um relato aos estudantes que assistiam ao evento. Eles abordaram o preconceito que sofrem como drags, contaram sobre a sua transformação em personagem e responderam a perguntas dos alunos. Uma das drags fez uma performance da música Indestrutível, da cantora Pabllo Vittar, que aborda humilhação e discriminação.

Em paralelo, foi mantido por vários dias no hall do prédio principal do CTISM um painel com conteúdos de conscientização e estatísticas sobre violência contra pessoas LGBT. O painel exibiu uma pirâmide confeccionada por alunos e servidores que sustenta que as piadas LGBTfóbicas são a base do preconceito contra LGBTs na sociedade, e que este pode evoluir até a violência e o assassinato.

O painel e o MusicDay são ações do Projeto Cidadania, que reúne servidores e alunos com o objetivo de promover reflexões que favoreçam a inclusão, a igualdade e a democracia, segundo a professora Raquel Bevilaqua, que participa do projeto.

De acordo com Raquel, as atividades com o tema LGBT buscam fazer com que a comunidade do CTISM reflita sobre a questão da LGBTfobia, e que as pessoas LGBT se sintam representadas. O público LGBT é uma parcela muitas vezes marginalizada na sociedade, e o projeto aborda vários outros temas transversais, considerados relevantes para a formação integral dos estudantes, diz a servidora Nisiael Kaufman, coordenadora do projeto.

Alunos do CTISM cantam e tocam instrumentos na 2ª edição do MusicDay, que teve a participação de drag queens.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

foto 1 Raquel Bevilaqua

foto 2 Ricardo Antunes Machado/CTE



Publicações Recentes