Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Acadêmicos de Nutrição da UFSM fazem viagem de estudos a Chapecó



Os acadêmicos do 1º semestre do curso de Nutrição da UFSM realizaram na última terça-feira (11) uma viagem a Chapecó, Santa Catarina, para visitar o Banco de Alimentos, a Cozinha Comunitária e um dos Restaurantes Populares do município. A viagem de estudos encerrou as atividades da disciplina de Introdução à Alimentação e Nutrição, ministrada pela Prof.ª Adriane Cervi Blümke.

O objetivo foi conhecer a Rede de Equipamentos Públicos de combate à fome e garantia do Direito Humano à Alimentação Adequada formada por Restaurantes Populares, Cozinhas Comunitárias e Bancos de Alimentos no município de Chapecó.

“Nossa intenção foi de conhecer uma experiência exitosa de gestão da Rede de Equipamentos Públicos em Segurança Alimentar e Nutricional. O município visitado é exemplo no país de ações que dão certo nesta área que ainda é extremante incipiente, mesmo em grandes cidades. Esses equipamentos são instituições públicas vinculadas à Secretaria de Assistência Social do município, que tem como objetivo realizar a garantia do Direito Humano à Alimentação Adequada beneficiando a população mais vulnerável de distintas faixas etárias e promovendo o desenvolvimento local e regional a partir valorização e fortalecimento da Agricultura Familiar, uma vez que os três equipamentos são parcialmente abastecidos por alimentos adquiridos localmente da agricultura familiar, por meio do Programa de Aquisição de Alimentos”, explica a docente.

A professora ainda ressalta a relevância de os acadêmicos, logo no primeiro semestre, já vivenciar experiências como essa. “Eles conseguem perceber e comprovar o que discutimos em aula sobre as temáticas de segurança alimentar e nutricional, sistemas agroalimentares e direito humano à alimentação e, mais do que isso, que as ações nesse vasto campo são possíveis de serem concretizadas levando em conta princípios de equidade, territorialidade e cidadania. Por isso, a importância de aprender com a experiência desse município que reconhece a alimentação, ou melhor o direito à alimentação, enquanto instrumento na construção da cidadania e da dignidade da pessoa humana.

Com a visita, os acadêmicos puderam conhecer melhor uma das áreas de atuação do nutricionista. A partir do contato com as profissionais responsáveis por cada serviço visitado, foi possível perceber o envolvimento de cada uma, a rotina de trabalho, postura profissional e engajamento na profissão. Outro aspecto que surpreendeu os visitantes foi em relação à infraestrutura dos espaços visitados, considerada excelente pelo grupo.

Assessoria de Comunicação UFSM-PM

  

 

 



Publicações Recentes