Ir para o conteúdo Palmeira das Missões Ir para o menu Palmeira das Missões Ir para a busca no site Palmeira das Missões Ir para o rodapé Palmeira das Missões
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Integrantes do PET Saúde/Interprofissionalidade da UFSM-PM lançam e-book “Práticas Integrativas e Complementares em Saúde: Meditação e Reiki”



A editora da Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), através da Série Extensão, lançou, neste mês de agosto, o e-book “Práticas Integrativas e Complementares em Saúde: Meditação e Reiki”. O livro é escrito por docentes, discentes e profissionais do Programa de Educação pelo Trabalho para a Saúde – PET Saúde/Interprofissionalidade, do campus da UFSM em Palmeira das Missões.

Conforme a docente Tanea Maria Bisognin Garlet, tutora do programa no eixo Ações Integrativas e Complementares em Saúde, as Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS) são “tratamentos terapêuticos que formam um universo de possibilidades complementares aos tratamentos da medicina convencional. Buscam a prevenção de doenças e a recuperação da saúde, com ênfase na escuta acolhedora, no desenvolvimento do vínculo terapêutico e na integração do ser humano com o meio ambiente e a sociedade”.

A utilização da Medicina Tradicional e Medicina Complementar começou a ser incentivada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) na década de 70 e, em 2006, o Brasil adotou a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares, que foi inserida na Política Nacional de Saúde.

Garlet explica que não é correto a utilização dos termos Medicina Alternativa ou Terapias Alternativas, pois não há contraposição em relação à medicina convencional e, sim, práticas que ampliam o olhar das equipes em relação à saúde. “Para a OMS a Medicina Complementar geralmente se refere ao uso de uma abordagem não-convencional em conjunto com a medicina convencional. As práticas são conjuntas sem substituição de uma prática pela outra e não há ampliação do risco. As práticas são utilizadas de acordo com as necessidades de cada indivíduo e em cada situação. Constituem práticas multiprofissionais, geralmente de baixo custo e acessíveis às populações carentes em diversas partes do mundo”, afirma.

Diversas pesquisas baseadas em evidências científicas vêm sendo realizadas no Brasil e no mundo, com a utilização das PICS. Conforme as autoras do livro, desde o início da pandemia de Covid-19, há relatos sobre utilização das PICS como suporte à qualidade de vida e forma de autocuidado para equilíbrio mental e emocional. Um desses estudos é o realizado pela FIOCRUZ em 2020, que constatou que 61,7% dos brasileiros adotam PICS para ampliar autocuidado durante a pandemia, destacando-se as práticas de Meditação, Plantas Medicinais/Fitoterapia e Reiki.

De acordo com Sílvia Villanova Lavallós, bióloga, Mestra em Reiki e preceptora do PET Saúde/Interprofissionalidade, no eixo Ações Integrativas e Complementares em Saúde, o e-book é mais uma das ações realizadas pelo grupo e tem como objetivo divulgar e explicar algumas das PICS disponibilizadas no Sistema Único de Saúde. Sílvia explica que a meditação e o Reiki, a partir de evidências científicas, foram introduzidas na Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no ano de 2017 para serem disponibilizados no SUS e complementar os tratamentos da medicina tradicional para fins de promoção, prevenção e recuperação da saúde. “Elas trazem um novo modelo de cuidado em saúde tendo foco o acolhimento do sujeito e a visão integral do corpo da mente e das emoções dentro do processo saúde-doença”, salienta.

O objetivo da obra, repleta de informações sobre meditação e Reiki, é sensibilizar as pessoas quanto a um novo olhar, em termos de cuidado em saúde, que pode melhorar a qualidade de vida das pessoas e conscientizar sobre a necessidade de autocuidado indispensável para a manutenção da saúde integral. “Tanto a meditação quanto o Reiki nos trazem à percepção do corpo para o momento presente, nos fazendo ter a consciência de que nossa forma de pensar, sentir e agir são os maiores responsáveis pelos inúmeros desequilíbrios que ocorrem em nossa vida, isso incluindo as próprias doenças. A prática constante da meditação e do Reiki trazem à tona a consciência dos processos internos, responsáveis pelos nossos desequilíbrios, e nos possibilitam a novas escolhas para melhorarmos a nossa própria saúde”, reitera Sílvia. 

Segundo as autoras, tanto a meditação como o Reiki produzem inúmeros benefícios na qualidade de saúde, como tranquilidade, relaxamento, melhora do humor, do sono, da imunidade, redução de dores crônicas, diminuição da ansiedade, do estresse e depressão, aumento da criatividade, entre tantos outros benefícios. “Portanto, quem estiver disposto a praticar ou receber essas terapias regularmente, com certeza irá se beneficiar com uma grande melhora em sua qualidade de vida”, conclui Sílvia.

Confira o e-book, clicando aqui.

Assessoria de Comunicação UFSM-PM

Publicações Relacionadas

Publicações Recentes