Ir para o conteúdo FACOS-UFSM Ir para o menu FACOS-UFSM Ir para a busca no site FACOS-UFSM Ir para o rodapé FACOS-UFSM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Between what we say and what we think: where is mediatization?

Between what we say and what we think: where is mediatization

Jairo Ferreira, José Luiz Braga, Pedro Gilberto Gomes, Antônio Fausto Neto e Ana Paula da Rosa (organizadores)
Between what we say and what we think: Where is mediatization?
Between what we say and what we think: Where is mediatization?

Este livro é a versão em língua inglesa da obra “Entre o que se diz e o que se pensa: onde está a midiatização?“. Resultado de um longo processo de interlocução, anterior, concomitante e posterior à realização do I Seminário Internacional de Pesquisas em Midiatização e Processos Sociais, no PPGCC-Unisinos, com apoio da Capes e do CNPq. Anterior, porque nasceu de vários projetos de cooperação, mobilidade e interação com pesquisadores convidados, do Brasil e do exterior. Concomitante, porque os convidados participaram intensamente não só das mesas de conferências e debates, mas também dos Grupos de Trabalho formados a partir das submissões de trabalho ao Evento. Posterior, porque resulta de um processo editorial que busca atender aos critérios de qualidade de obras coletivas na área. Os artigos foram escritos após o evento, tendo-se solicitado aos autores que dialogassem com os debates ali ocorridos, qualificando suas intervenções. O Seminário proposto permitiu que pesquisadores, docentes e discentes, integrem-se a um debate internacional sobre a linhagem de pesquisa Midiatização e Processos Sociais, incluindo a mobilidade e formação. Atua-se, assim, em tempo de reverter tendências já observadas de que esse objeto de pesquisa seja apropriado especificamente pelo Norte, considerando suas competências linguísticas e de rede de pesquisas, acionadas por sistemas de integração que se reproduzem. Essa inserção corresponde aos objetivos dos processos formativos, de mobilidade e de investigação da proposta, buscando horizontalidades e trocas entre os diversos polos de pesquisa. Essa sinergia possibilita situar as questões, proposições, métodos e metodologias de pesquisas desenvolvidas no Brasil, em especial nos grupos que pesquisam midiatização, em interlocução com os pares do Norte, em seus processos formativos, de investigação e mobilidade.

Between what we say and what we think: Where is mediatization?
Between what we say and what we think: Where is mediatization?

Este livro é a versão em língua inglesa da obra “Entre o que se diz e o que se pensa: onde está a midiatização?“. Resultado de um longo processo de interlocução, anterior, concomitante e posterior à realização do I Seminário Internacional de Pesquisas em Midiatização e Processos Sociais, no PPGCC-Unisinos, com apoio da Capes e do CNPq. Anterior, porque nasceu de vários projetos de cooperação, mobilidade e interação com pesquisadores convidados, do Brasil e do exterior. Concomitante, porque os convidados participaram intensamente não só das mesas de conferências e debates, mas também dos Grupos de Trabalho formados a partir das submissões de trabalho ao Evento. Posterior, porque resulta de um processo editorial que busca atender aos critérios de qualidade de obras coletivas na área. Os artigos foram escritos após o evento, tendo-se solicitado aos autores que dialogassem com os debates ali ocorridos, qualificando suas intervenções. O Seminário proposto permitiu que pesquisadores, docentes e discentes, integrem-se a um debate internacional sobre a linhagem de pesquisa Midiatização e Processos Sociais, incluindo a mobilidade e formação. Atua-se, assim, em tempo de reverter tendências já observadas de que esse objeto de pesquisa seja apropriado especificamente pelo Norte, considerando suas competências linguísticas e de rede de pesquisas, acionadas por sistemas de integração que se reproduzem. Essa inserção corresponde aos objetivos dos processos formativos, de mobilidade e de investigação da proposta, buscando horizontalidades e trocas entre os diversos polos de pesquisa. Essa sinergia possibilita situar as questões, proposições, métodos e metodologias de pesquisas desenvolvidas no Brasil, em especial nos grupos que pesquisam midiatização, em interlocução com os pares do Norte, em seus processos formativos, de investigação e mobilidade.

Acesso à obra