Ir para o conteúdo LabPort Ir para o menu LabPort Ir para a busca no site LabPort Ir para o rodapé LabPort
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Publicações

RADÜNZ, A.; CABRAL, S. R. S. (2022) “Keep it simple”: the introductions of Veterinary Medicine academic papers. Calidoscópio. Calidoscópio. , v.20, p.154 – 166.

CABRAL, S. R. S. (2022) O que é mesmo encaixamento em Linguística Sistêmico-Funcional?. EntreLetras (Online). , v.13, p.1 – 21.

CABRAL, S. R. S.; VIAN JR., O.; FUZER, C.; ROTTAVA, L.; SANTORUM, K. A. T. (2021) Lista de termos da linguística sistêmico-funcional em português brasileiro: léxico-gramática. Organon, v.71, p.483 – 495.

CABRAL, S. R. S.; VIAN JR., O.; FUZER, C.; ROTTAVA, L.; SANTORUM, K. A. T. (2021) Apresentação. Organon, v.71, p.5 – 15.

MEA, T. D.; CABRAL, S. R. S. (2021) Parâmetros para elaboração de material didático na perspectiva sistêmico-funcional. Revista CBTeCLE, v.2, p.203 – 221.

FLOREK, C.; CABRAL, S.R.S. (2021). Avaliatividade verbal e visual em textos que divulgam pesquisas de opinião pública. DELTA, v. 37, n. 2, p. 1-31.

FUZER, C.; CECHIN, A. (2021). Desconstrução e construção conjunta de relato biográfico: ideação e avaliatividade na perspectiva sistêmico-funcional. Signo, v. 46, p. 23-41.

SCHMIDT, A. P. C.; FLORENCIO, J. A. (2021). Resenha de Estudos sistêmico-funcionais no âmbito do Projeto SAL. Signo, v. 46, p. 192-196.

FERRAZ DOS SANTOS, M.; DELLA MEA, T.; SCOTTA CABRAL, S. R. (2020). Fábrica de Coringas: estratégias avaliativas na construção de sentido no texto jornalístico.

FREITAS, J.; CABRAL, S. R. S. (2020). Representar, avaliar e imaginar em tempos de eleição política.

WEBER, S. ; FUZER, C. (2020). O gênero de texto relato histórico explicativo em livro didático de História: organização e relação de eventos sobre a ditadura civil-militar no Brasil. (CON)TEXTOS LINGUÍSTICOS, v. 14, p. 360-378.

CARVALHO, L. O. ; FUZER, C. (2020). Gêneros de texto da família das explicações: um estudo sistêmico-funcional em livros didáticos de língua portuguesa. Letras em Revista, v. 11, p. 77-94.

BARROS, G.B. ; FUZER, C. (2020). Análise sistêmico-funcional de resenhas em livro didático de língua portuguesa. Macabéa- Revista Eletrônica do NETLLI, v. 9, p. 399-415.

GERHARDT, C. C.; FUZER, C. (2020). Propósitos e estruturas de gênero da perspectiva sistêmico-funcional na leitura de contos dos Irmãos Grimm. Revista Ibero-Americana de Humanidades, Ciências e Educação, v. 6, p. 57-69.

GERHARDT, C. C.; FUZER, C. (2020). Toda estória é uma narrativa? Gêneros de texto exemplum e episódio em livro didático em língua portuguesa.

CHAGAS; N. E.; SCHMIDT, A. P. C. (2020). Representações para Professor em Artigos de Opinião Jornalísticos sob a Perspectiva Sistêmico-funcional

CORREA, E. K. C.; SCHMIDT, A. P. C. (2020). Choque valorativo e provocação em tiras da Mafalda.

BADER KHUN, M. I. ; FUZER, C. (2019) Reagindo a textos: instanciações de gêneros textuais em livros didáticos de Língua Portuguesa.

BUENO, E. ; FUZER, C. (2019). Perfil jornalístico como gênero textual no contexto escolar: uma análise da linguagem avaliativa.

GERHARDT, C. C.; PAULA, S. R. (2019). Concepções de aprendizagem: práticas de letramento por meio de gêneros em livro didático.

KNOLL, G. F.; FUZER, C. (2019). Analysis of infographics of the advertising sphere: multimodality and compositional metafunction. 

SCHMIDT, A. P. C. (2019). Discurso político sobre educação no período pré-eleitoral: o que esperar dos candidatos?

BOER, N. ; CALLEGARO, E. K. ; SANTOS, C. B. (2018). Literature, theater and environmental education: perspectives by the transitivity system in the poem Cora Coralina, quem é você?

BOER, N.; CABRAL, S. R. S.; SANTOS, C. B. (2018). A natureza e o meio ambiente no poema o cântico da terra, de cora coralina: uma estratégia para trabalhar educação ambiental por meio do teatro-educação. 

CABRAL, S. R. S.; BOCHETT, A. C. (2018). Audiências públicas: a polissemia do -dever- no discurso do político.

CABRAL, S. R. S.; PINTON, F. M. (2018). Vozes não autorais em textos midiáticos: análise dos processos verbais e dos verbos introdutores de opinião. 

DAMIANI, S.; WINK, D. S.; CABRAL, S. R. S. (2018). Corpus Linguístico UFSM”: Construção e etiquetagem. 

DIAS, O. B. ; SCHMIDT, A. P. C. (2018). Material didático visual no ensino de inglês como língua adicional para estudantes surdos. 

FARENCENA, G. S.; SANTOS, M. F. (2018). A Avaliação de um discurso do presidente Michel Temer: uma análise a partir dos recursos de gradação. 

FUZER, C. (2018). Realizações linguísticas e instanciação de gêneros na perspectiva sistêmico-funcional.

FUZER, C.; WEBER, S. (2018). Chapeuzinho Vermelho em três versões: análise de gênero na perspectiva sistêmico-funcional.

NUNES, G. G.; CABRAL, S. R. S. (2018). O Estadão e a Presidente: o editorial como locus de avaliação.

SCHMIDT, A. P. C.; CECCHIN, A. S.; CHAGAS, N. E.; CABRAL, S. R. S. (2018). O desafio da profissão de professor no Brasil: análise avaliativa da linguagem em um artigo de opinião

SCHMIDT, A. P. C.; CHAGAS, N. E.; CABRAL, S. R. S. (2018). Encaixamento como recurso de significado linguístico em uma carta aberta ao Senhor Governador. 

SCHMIDT, A. P. C.; SELBACH, H. V. (2018). ‘Sistema’: relações entre as perspectivas de Saussure e da Gramática Sistêmico-Funcional de Halliday. 

BADER KHUN, M. I. ; FUZER, C. (2017). Instanciações de gêneros em fábulas: um estudo na perspectiva sistêmico-funcional.

BOCHETT, A. C.; CABRAL, S. R. S. (2017). Audiências públicas sobre meio ambiente e desenvolvimento sustentável: uma análise de gênero segundo a perspectiva sistêmico-funcional. 

BOCHETT, A. C.; OLIVEIRA, S. M. N. (2017). A modalidade nas concepções e princípios do documento base do PROEJA agosto/2007. 

CALLEGARO, E. K.; CABRAL, S. R. S.; FREITAS, J. C.; BOCHETT, A. C. (2017). Concepções de discurso político: caminhos para uma discussão teórica. 

CARGNIN, E. S.; FARENCENA, G. S. (2017). Realização lógica da linguagem em notícias sobre o impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff: uma análise de projeção no complexo oracional. 

GEHRKE, N. A.; CABRAL, S. R. S. (2017). A reescrita e a qualificação do processo de produção de microcrônicas verbo-visuais. 

ROSSI, A. M.; FARENCENA, G. S. (2017). A estrutura esquemática de gênero e as relações lógico-semânticas em um exemplar de gênero da família do argumentar. 

BORDIM, C. T. ; FARENCENA, G. S. (2016). Bela, recatada e do lar: análise de um artigo de opinião sob o enfoque da perspectiva de gênero australiana.

FREITAS, J. C.; CABRAL, S. R. S. (2016). A linguagem na construção de representações de Deus e democracia em uma votação na Câmara dos Deputados

FUZER, C.; GERHARDT, C. C. ; WEBER, S. (2016). Etapas e fases da narrativa em O Pequeno Polegar: análise de gênero na perspectiva sistêmico-funcional.

FUZER, C.; GONÇALVES, A. (2016). Recursos interpessoais da linguagem em carta aberta na perspectiva sistêmico-funcional. 

CABRAL, S. R. S. (2015). Transitividade e auto/representação em um debate político. 

CABRAL, S. R. S.; BARBARA, L. (2015). Processos comportamentais na perspectiva da LSF: uma investigação inicial. 

FUZER, C.; CRUZ, L. S. (2015). Representações para vítimas, familiares e poder público na tragédia da boate Kiss sob a perspectiva sistêmico-funcional.

FUZER, C.; GERHARDT, C. C. ; LIMA, L. O. (2015). A Reescrita no processo de produção textual: respostas a bilhetes orientadores na Educação Básica.

SILVA, T. S. ; FUZER, C. (2015). Evidências léxico-gramaticais de representações na voz de ativistas e de homossexuais idosos.

BOCHETT, A. C.; RODRIGUES, D. R.; LIMA, L. O. (2014). A sustentabilidade em foco: significados representacionais à luz da Gramática do Design Visual em capas de revista. 

BORTOLUZZI, V. I.; NUNES, G. G. (2014). A representação da pobreza pela mídia on-line. 

CARGNIN, E. S. ; FARENCENA, G. S. ; FUZER, C. (2014). Representações em discursos de paraninfos sobre a profissão de professor nos cursos de ciências contábeis e fisioterapia.

CARGNIN, E. S.; ROSSI, A. M. ; FARENCENA, G. S. (2014). A hora do paraninfo: representações para o professor em discursos de formatura. 

FUZER, C. (2014). Ateliê de Textos: (re)invenção e (re)escrita de histórias no Ensino Básico.  

FUZER, C.; BARBARA, L. (2014). Estratégias de progressão temática com temas tópicos não marcados em artigos científicos da engenharia civil.

GEHRKE, N. A.; CABRAL, S. R. S. O peso da palavra e a poesia da  imagem na produção e leitura de microcrônicas verbo-visuais.

LIMA, L. R. (2014). “Aparecer” e “surgir” – processos materiais ou existenciais? 

LIMA, L. O; BOCHETT, A. C.; ROSSI, A. M.; RODRIGUES, D. R. (2014). Do sagrado ao profano: representações visuais para a mulher na capa do livro doidas e santas, de Martha Medeiros. 

RIBEIRO, M. R. (2014). A Estrutura Potencial do Gênero do Boletim de Ocorrência sobre crimes de linguagem contra a honra.

RIBEIRO, M. R. (2014). Representações para atores sociais em boletins de ocorrência de crimes de injúria.

RIBEIRO, M. R.; FUZER, C. (2014). A atitude em boletins de ocorrência de crimes de linguagem contra a honra: um estudo da ofensa verbal na perspectiva do sistema de avaliatividade. 

ROSSI, A. M. (2014). A imagem de Eva: Representações para a mulher sob a perspectiva da gramática visual.

ROSSI, A. M.; FARENCENA, G. S. (2014). Representações da mulher em cartas bíblicas analisadas sob a perspectiva sistêmico-funcional. 

SILVA, T. S. (2014). Análise léxico-gramatical de representações sociais: o caso dos indivíduos com esquizofrenia.

SILVA, T. S. (2014). Pacientes ou discriminados?: análise lexico-gramatical de representações sobre indivíduos com esquizofrenia.

SILVA, E. A.; CABRAL, S. R. S. (2014). Monoglossia e nominalização no discurso de professores sobre letramento. 

BOCHETT, A. C.; CABRAL, S. R. S. (2013). A realização do sistema de modo em notícias de saúde.

FARENCENA, G. S. (2013). A imagem do campo: representações para o agricultor e a agricultura sob a perspectiva da Gramática Visual. 

FLORENCIO, J. A.; CABRAL, S. R. S. (2013). How Obama can use pressure to bring peace?: a favorable stance and positive attitudinal assessment.

FLORES, B. S. ; CRUZ, L. S. ; FUZER, C. (2013). Estrutura temática em textos científicos da engenharia civil. 

NUNES, G. G.; CABRAL, S. R. S. (2013). Avaliatividade e julgamento: uma análise de texto. 

NUNES, G. G.; CABRAL, S. R. S. (2013). Julgamento como categoria avaliativa: o desempenho de Dilma Rousseff em foco. 

RODRIGUES, D. L. (2013). Avaliatividade em coluna de opinião: assinatura valorativa de Luiz Caversan. 

CABRAL, S. R. S.; BARBARA, L. (2012). Processos verbais no discurso jornalístico: frequência e organização da mensagem. 

FACCIN, A. ; FUZER, C. (2012). Representações para a seleção brasileira de futebol a partir de evidências léxico-gramaticais.

 FARENCENA, G. S.; FUZER, C. (2012). A caracterização da fábula a partir de seu Potencial de Estrutura Genológica (PEG).

FUZER, C. (2012). Bilhete orientador como instrumento de interação no processo ensino-aprendizagem de produção textual

FUZER, C. (2012). Realização de processos verbais em textos científicos da área de engenharia civil.

FUZER, C. (2012). Vítimas e vilões em reality shows no Brasil: representações e avaliações com base em evidências léxico-gramaticais.

FUZER, C.; FACCIN, A. ; LIMA, L. O. (2012). Notícias esportivas declarativas e atributivas: uma análise sob a perspectiva da Gramática Sistêmico-Funcional. 

FUZER, C.; TICKS, L.; CABRAL, S. R. S. (2012). Análise sistêmico-funcional como suporte para a leitura de textos: o caso da Cerveja Devassa. 

LIMA, L. R. (2012). Análise do valor informacional em imagens de reportagens de capa da revista Superinteressante. 

LIMA, L. R. (2012). Processos existenciais em reportagens de capa da revista Superinteressante. 

LIMA, L. R.; CABRAL, S. R. S. (2012). A Gradação e o grau de comprometimento do autor em reportagem da revista Superinteressante.

RODRIGUES, D. L.; CABRAL, S. R. S. (2012). Gradação e coluna de opinião: investigação da categoria de força em textos de Eliane Cantanhêde

ALVES, G. S.; CABRAL, S. R. S. (2011). Os negros pelos negros: uma análise a partir da Teoria da Avaliatividade na revista Raça Brasil. 

CARGNIN, E. S. ; FUZER, C. (2011). Análise de escolhas léxico-gramaticais em um discurso de formatura: representações para a profissão de fisioterapeuta.

CARGNIN, E. S. ; FUZER, C. (2011). Análise de escolhas léxico-gramaticais em um discurso de formatura: representações para a profissão do paraninfo. 

CEZAR, L. A. S.; CABRAL, S. R. S. (2011). Homens com feições suaves e DNA de bom pai: as avaliações do homem contemporâneo. 

FARENCENA, G. S. (2011). Fábulas de Esopo e Millôr Fernandes: uma análise contextual.

FUZER, C.; CABRAL, S. R. S.; OLIONI, R. C. (2011). A seleção brasileira de futebol a serviço da cerveja: análise multifuncional de texto na perspectiva da gramática sistêmico-funcional. 

NICHELE, A. I.; CABRAL, S. R. S. (2011). O discurso jornalístico e o engajamento entre as vozes: uma relação de negociação linguística entre repórter e entrevistado. 

TEIXEIRA, T. G. ; FUZER, C. (2011). Uma proposta de análise de editorial como gênero textual.

ALBUQUERQUE, M. E. T. ; SELLE, C. N. ; LIMA, L. O. (2010). Avaliatividade em produção de textos a partir do gênero editorial. 

FARENCENA, G. S. ; FUZER, C. (2010). A representação dos personagens Lobo e Cordeiro nas fábulas de Esopo e Millôr Fernandes. 

FUZER, C. (2010). Contexto e léxico-gramática em interação: análise de uma sentença condenatória.

FUZER, C. (2010). Formas de representação de atores sociais no contexto jurídico penal. 

FUZER, C.; BARROS, N. C. A. (2010). Ações verbais em textos jurídicos. 

RODRIGUES, D. L.; CABRAL, S. R. S. (2010). Eu deixo o mundo mais pink – uma análise das instâncias avaliativas.

FUZER, C. (2009). A função experiencial da linguagem no contexto jurídico.

OLIVEIRA, N. L. ; BLANK, M. T. ; FUZER, C. (2009). Representação de atores sociais em uma reportagem jornalística.

CABRAL, S. R. S. (2008). As marcas de interpessoalidade em uma coluna de opinião política. 

CABRAL, S. R. S. (2007). Recursos interpessoais na construção de papéis gramaticais. 

FUZER, C. (2007). Linguagem e representação da realidade. 

CABRAL, S. R. S. (2005) Discurso e atuação profissional: uma análise crítica.