Ir para o conteúdo CAED Ir para o menu CAED Ir para a busca no site CAED Ir para o rodapé CAED
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Grupos e oficinas em saúde mental

Descrição

Grupos e Oficinas:

A equipe de Educação-Saúde da Coordenadoria de Ações Educacionais trabalha com a promoção de grupos e oficinas que contemplam demandas distintas.

Cada proposta tem sua metodologia e inscrições próprias, conforme disposto a seguir:

 

AVISO: Os grupos e oficinas oferecidos pela CAEd estarão em recesso a partir do dia 18/12. As atividades retornam em março de 2024, juntamente com o início do próximo semestre letivo

 

→ Grupo de apoio: Fortalecendo laços

Proposta: A partir de um espaço de acolhimento e escuta, propõe-se a reflexão sobre assuntos referentes às demandas cotidianas da vida acadêmica, seus desafios e possibilidades. Novos saberes podem ser construídos decorrente de um conjunto de experiências e afetos que são mobilizados pelos próprios estudantes, ao pensarem e agirem sobre as questões da vida discente. A proposta deste grupo consiste em oferecer um suporte social e afetivo para universitários.

Como funciona? O grupo é fechado, com no máximo quinze alunos. Os encontros acontecerão semanalmente, toda sexta-feira das 15h às 16h30.

Público-alvo: Estudantes da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).

Como participar: Através do preenchimento de formulário de inscrição: https://forms.gle/xLaEpWmDWigwrFGa7

→Masculinidades e Violências: O que houve e quem nos ouve?

Proposta: O grupo de vivências é um espaço de compartilhamento de experiências, escuta e acolhimento sobre violências de gênero, especialmente relacionadas às masculinidades. Buscamos criar um ambiente seguro para encorajar a discussão das angústias causadas pelas diversas formas de masculinidade, considerando as consequências do silenciamento imposto pela cultura cis-heteronormativa e machista.

Como funciona? O grupo é aberto, com encontros semanais, realizados nas sextas-feiras, das 16h às 17h30, no prédio 67 (CAEd). As atividades iniciam no dia 20/10.

Público-alvo: Homens cisgêneros, transgêneros, transmasculines e todo, toda ou tode estudante, independente do gênero com o qual se identifique, que possua demandas sobre questões de violência de gênero.

Como participar: Através do preenchimento de formulário de inscrição: https://forms.gle/5dxRP24GjwDYvZtB6

→(Re)construindo redes de afeto a partir de uma Comunicação Não Violenta (CNV)

Proposta: O grupo visa aprimorar a comunicação nos relacionamentos interpessoais dos alunos, a partir da utilização da Comunicação Não Violenta (CNV). Nesse sentido, objetiva-se a partir dos encontros, auxiliar o estudante a construir uma maior compreensão sobre mediação e gerenciamento de emoções em momentos de conflito. Assim como, propomos compreender os princípios fundamentais da Comunicação Não Violenta (CNV) e capacitar os alunos a familiarizar-se com os conceitos-chave da CNV, incluindo a importância da empatia, observação, observação objetiva e expressão de necessidades.

Como funciona? Grupo fechado, com média de 5 encontros. Os encontros serão semanais, com duração de 1 hora e meia, no formato presencial. As vagas serão limitadas, com lista de espera.

Público-alvo: Alunos da UFSM interessados na temática e que desejem aprimorar suas estratégias de comunicação e resolução de conflitos.

Como participar: Aguardar abertura de nova edição do grupo e publicação do formulário de inscrição. 

→Lidando com a Ansiedade no Ambiente Acadêmico 

Objetivo: Trabalhar sintomas de ansiedade que podem estar interferindo na saúde mental e nas vivências acadêmicas. Auxiliar no entendimento do que é a ansiedade, como ela se manifesta, se mantém e como podemos reagir a ela (psicoeducação da ansiedade).

Como funciona? Grupo fechado, com cerca de 5 encontros, de frequência semanal, com duração de aproximadamente 1h e meia.

Como participar: Aguardar abertura de nova edição do grupo e publicação do formulário de inscrição.

→Oficina de escrita e saúde mental: Um corpo de letras

Proposta: Trata-se da oferta de um espaço de acolhimento, de escuta, de trocas, de reflexões, e de produções singulares de escrita, pautadas em temáticas relacionadas à autolesão. Um dispositivo de aposta nas palavras, na arte, na via simbólica de nomeação do mal-estar e, assim, constituir uma inscrição de si, promovendo saúde mental e melhor desenvolvimento na vida pessoal e acadêmica.

Como funciona? É um grupo aberto, de frequência semanal, com duração aproximada de 1:30, e acontece todas às quartas-feiras às 11h30min, na sala 1216A do prédio 67 – CAEd

Como participar? Através do preenchimento de formulário de inscrição: https://forms.gle/fDz7kSx9ycdgxe6fA. Para dúvidas ou esclarecimentos, enviar e-mail para umcorpodeletras@gmail.com

→ Oficina de Escrita terapêutica para universitários

Proposta: Promoção de saúde mental através de atividades baseadas em psicoeducação e escrita voltadas para questões de autoconhecimento e promoção de saúde.

Como funciona? Grupo aberto,  com encontros de frequência semanal, nas quartas-feiras, às 14h, com duração aproximada de 1h e 30min.

Público-alvo: Acadêmicos da UFSM que busquem melhorar sua saúde física e mental.

Como participar? Preencher o formulário de inscrição através do link- https://forms.gle/Q54iR4MzQu8tBc5K7  e aguardar o link por e-mail para entrar na atividade, nas quartas-feiras, às 14h. Separar material para escrever antes do início.  Para dúvidas ou esclarecimentos, enviar e-mail para caedsaude@ufsm.br

Coordenação: Ângela Campagnolo e Renato Favarin.

→ Oficina de Arte e Saúde Mental: Pincelando Afetos

Proposta: Visa a promoção e prevenção da saúde mental dos estudantes universitários, através do uso da produção artística. Trata-se de um espaço em que os participantes possam endereçar suas questões emocionais,  que tendem a lhes trazer prejuízos de diversas ordens, além de possibilitar a criação de novos vínculos e afetos que possam dar suporte para o enfrentamento das dificuldades. A oficina surge como uma aposta no fortalecimento e ressignificações dos afetos através da arte, afinal, conforme dito por Ferreira Gullar, “a arte existe porque a vida não basta”.

Como funciona? O grupo é aberto, com encontros semanais nas quintas-feiras, das 11h30min às 13h, na sala 1102 do prédio 67 (CAEd).

Público-alvo: Estudantes da UFSM.

Como participar: Através do preenchimento de formulário de inscrição: https://forms.gle/Juog5PNmZkZnaXGP8

→ Grupo de escuta com estudantes imigrantes e refugiados

Com o objetivo de contribuir para suas permanências na UFSM e em seus desenvolvimentos acadêmicos, por meio do compartilhamento de histórias de vida, de experiências, de afetos e dos desejos, pretende-se estimular o sentimento de pertencimento através de um grupo e possibilitar momentos de prevenção e promoção em saúde mental. Os grupos acontecerão em português, com possibilidade de uso do inglês e do espanhol como apoio.

LISTENING GROUP WITH IMMIGRANTS AND REFUGEES STUDENTS

 The main goal is contributing to their permanence at UFSM and their academic developments, through sharing life stories, experiences, affections and desires. The intention is to stimulate the feeling of belongingness within the group as well as mental health care. The groups will be in Portuguese, with the possibility of using English and Spanish as support.

GRUPO DE ESCUCHA CON ESTUDIANTES INMIGRANTES Y REFUGIADOS

Con el objetivo de contribuir para su permanencia en la UFSM y su desarrollo académico, a través del intercambio de historias de vida, experiencias, afectos y deseos, se pretende estimular el sentimiento de pertenencia a través de un grupo y posibilitar momentos de prevención y promoción en salud mental. La comunicación durante los encuentros será en portugués, con posibilidad de utilizar el inglés y el español como apoyo.

GROUPE D’ÉCOUTE AVEC DES ÉTUDIANTS IMMIGRANTS ET DES RÉFUGIÉS

Dans le but de contribuer à leur permanence à l’UFSM et à leur développement académique, à travers le partage d’histoires de vie, d’expériences, d’affections et de désirs, il vise à stimuler le sentiment d’appartenance à travers un groupe et à permettre des moments de prévention et de promotion de la santé mentale. Les groupes se dérouleront en portugais, avec la possibilité d’utiliser l’anglais et l’espagnol comme support.

Como participar/Subscriptions/inscripciones/inscriptions: https://forms.gle/MoK4yKNKWfwemzHh7

Card quadrado com fotografia de fundo. A fotografia contém a ilustração de mãos abertas e balões de fala. Ao topo da imagem aparecem, da esquerda para a direita, o logo do CNPq, do VIDAS – Núcleo de Pesquisa, Ensino e Extensão em Psicologia Clínica Social, da Casa Verônica e o brasão da UFSM com a inscrição “UFSM Coordenadoria de Ações Educacionais” ao lado direito. Abaixo, centralizado e em letras pretas, lê-se "Grupo de escuta com estudantes imigrantes e refugiados na CAED" "Orientação: Prof. Dra. Adriane Roso; Grupoterapia: Psicóloga Ana Júlia Vicentini; Co-terapeuta: Ana Carolina Tambara, estudante de Psicologia; Supervisora: Psicóloga Fernanda Alves". No centro da imagem, há uma ilustração de várias pessoas lado a lado, que demonstram diversidade de etnias e religiões entre si. Mais abaixo, centralizado, lê-se: "Local: Prédio 67, UFSM, CAED; Inscrições: via Formulário (link no perfil)" "Vinculado aos projetos 'Escuta-me? Psicologia Clínica Social' e ' Sexualidade, práticas reprodutivas e violências em tempos vir(tu)ais na Nova República Brasileira' do Núcleo VIDAS e 'Grupoterapias' da CAED".

Contato