Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita
Início do conteúdo

Aulas na UFSM-CS iniciam e contam com novos prédios no campus definitivo



 

O ano letivo da UFSM – Cachoeira do Sul iniciou com uma novidade que está movimentando a cidade: a ocupação dos primeiros prédios nas instalações definitivas.

Alunos tiveram suas primeiras aulas nos prédios definitivos.

Na tarde desta segunda-feira (11), o reitor da UFSM, Paulo Burmann, e o prefeito de Cachoeira do Sul, Sérgio Ghignatti, juntamente com o diretor do campus, Rogério Brittes, e o vice-diretor, Lucas Delongui, visitaram as novas instalações e acompanharam a movimentação no campus.  

Sérgio Ghignatti, Lucas Delongui, Rogério Brittes e Paulo Burmann.

Ao longo dos últimos meses, muitos esforços foram realizados para que as aulas pudessem de fato iniciar no novo espaço. A desocupação do prédio do Totem, a mudança, a logística, a organização das salas e horários, a rede elétrica, as obras de acesso, as linhas de ônibus, a abertura de uma nova unidade do Restaurante Universitário, entre tantas outras coisas que precisaram ser realizadas até o primeiro dia de aulas, resultaram na ocupação dos dois novos prédios de salas de aula e alunos circulando em um campus que é de toda a comunidade.

Segundo o diretor do campus, Rogério Brittes, foi este esforço conjunto entre a Universidade, a Prefeitura, o Exército e tantos outros setores de Cachoeira do Sul que tornaram possível que se chegasse a este momento tão importante para o campus. “Nosso campus não tem limites. Temos uma grande área aqui. Estamos começando, mas nosso projeto é extenso, bonito e precisa continuar contando com o apoio de Cachoeira do Sul”, afirma a direção da UFSM-CS.

Os alunos já puderam realizar as suas refeições na nova unidade do Restaurante Universitário (RU).

Rogério ainda salientou que as obras, incluindo a do acesso, continuam por todo o campus. Assim, é preciso uma grande atenção da comunidade acadêmica e da comunidade em geral que visita as instalações, pois não é permitido transitar próximo as obras, por uma questão de segurança.

 



Publicações Recentes