Ir para o conteúdo EDUCOM Ir para o menu EDUCOM Ir para a busca no site EDUCOM Ir para o rodapé EDUCOM
  • Acessibilidade
  • Sítios da UFSM
  • Área restrita

Aviso de Conectividade Saber Mais

Início do conteúdo

Lição de vida e de cidadania



Manuela Ilha – misilha@hotmail.com
Nadia Garlet – ngarlet@yahoo.com.br

A proposta de pauta era outra – a ideia das repórteres era produzir um perfil de uma figura conhecida e popular na UFSM. Para nós, além de pró-reitor adjunto da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (PRAE) e de outras atribuições, o Bira, ou melhor, o professor Ubiratan Tupinambá da Costa, é um grande amigo. Com ele, trocamos experiências e nos preparamos para participar daquele que seria um momento digno de permanecer em nossas mais queridas lembranças. Aprendemos a ser mais humanas, a compreender o outro de forma mais próxima, a pensar na coletividade e agir em prol do bem comum. Assim é o Projeto Rondon, do qual participamos em julho de 2010. E ele foi nossa nova pauta para esta edição da .txt.

O professor Bira é o coordenador do Projeto Rondon na UFSM, e através da sua atuação, assim como da equipe da Pró-Reitoria de Extensão (PRE), participamos das duas últimas equipes da Universidade, em julho deste ano. Uma de nós (Manuela) foi para o Maranhão, na Operação Catirina, enquanto Nadia, na Operação Rei do Baião, viajou a Pernambuco. Talvez, por isso, sejamos suspeitas para falar sobre o projeto, assim como as experiências e lições de vida que ganhamos com nossa participação. Todavia, a sensação única que vivenciamos durante duas semanas de nossas vidas, nos motivam a promover e estimular a participação de outros universitários no Projeto Rondon.

Além de extensão universitária, o Projeto Rondon é lição de brasilidade – este, inclusive, foi o título dado a nossa entrevista na versão impressa da .txt. Conhecemos o Brasil de perto, para além dos livros e dos pré-conceitos que alimentamos. Vimos a vida florescer em espaços cruéis, onde sobreviver é o desafio de cada dia. Presenciamos lições de esperança e superação que jamais vimos em nosso dia a dia – a humanidade nos fez mais sentido. O orgulho de ser brasileira personificou-se nos olhos das crianças, nas vozes, nos sotaques, nas diferenças que nos fazem únicos.

Veja, na galeria abaixo, alguns dos vários motivos que nos levaram a participar do Projeto Rondon e viver o Brasil de perto:

 

Operação Catirina – MA

Operação Rei do Baião – PE

Divulgue este conteúdo:
https://ufsm.br/r-802-293

Publicações Relacionadas

Publicações Recentes